Polícia

Acidente com guindaste em ponte deixa um morto no Cupixi

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a máquina com capacidade para erguer até 220 toneladas seguia para o município de Serra do Navio

Compartilhe:

O auxiliar de máquinas pesadas Antônio Mário da Silva, de 32 anos, morreu na noite de segunda-feira (9) depois que um caminhão guindaste despencou de uma ponte em madeira na comunidade de Cupixi, distante cerca de 50 quilômetros da sede do município de Porto Grande, na Perimetral Norte.
Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a máquina com capacidade para erguer até 220 toneladas seguia para o município de Serra do Navio, onde seria usada em uma área de mineração. O peso do caminhão não foi suportado pela estrutura já comprometida da ponte.

Antônio estaria do lado de fora do veículo quando parte da estrutura cedeu.
O trabalhador chegou a ter um dos braços arrancados na queda. O motorista sobreviveu à queda. “No mínimo houve imprudência do motorista. Essa máquina deveria ser transportada sobre a prancha de uma carreta por não ser um veiculo de estrada. Vamos verificar a situação para fazer o devido relatório e encaminhar o caso à polícia judiciária”, declarou o inspetor Pacheco, da PRF.
O motorista poderá responder por homicídio culposo. O corpo do auxiliar de máquinas pesadas foi removido para o Departamento de Medicina Legal (DML) da Polícia Técnico Científica (Politec) para ser necropsiado. A polícia declarou que Antônio Mário era natural do estado do Maranhão, e que iria tentar localizar a família.

 
Compartilhe:

Tópicos: