Cidades

Oito educandários aderem ao programa de escola integral

Cerca de 1,3 mil alunos deverão ser contemplados nesta primeira fase do programa

Compartilhe:

Estudantes com maior riqueza de conhecimento, senso crítico aguçado e pronto para o mercado de trabalho. Esses são alguns dos resultados previstos com a implantação do modelo de Ensino Integral nas escolas da rede pública de ensino. No Amapá, oito escolas estaduais aderiram ao Programa Nacional de Fomento à Implementação de Escolas em Tempo Integral para o Ensino Médio, do Ministério da Educação (MEC).
A partir do ano letivo de 2017, os alunos das primeiras séries do Ensino Médio das escolas selecionadas pelo (MEC) (Colégio Amapaense, José Firmo do Nascimento, Maria do Carmo Viana dos Anjos, Raimunda Virgolino e Tiradentes, em Macapá; e Alberto Santos Dumont, Augusto Antunes e Elizabeth Picanço Esteves, em Santana) vão vivenciar uma forma inovadora de aprender e de participar com mais entusiasmo das atividades escolares.
Cerca de 1,3 mil alunos deverão ser contemplados nessa primeira fase do programa, que foi instituído pela Medida Provisória nº 746, de 22 de setembro deste ano, e pela Portaria do MEC nº 1.145, de 10 de outubro. Os educadores serão selecionados e capacitados para atuar de acordo com a metodologia adotada pela Escola em Tempo Integral.

Equipe pedagógica
A equipe pedagógica será formada por meio de processo seletivo interno realizado da Secretaria de Estado da Educação (Seed), que irá definir os diretores, diretores adjuntos, secretários escolares, professores e coordenadores pedagógicos para atuarem nas escolas de tempo integral. A medida é item obrigatório previsto no Decreto nº 4.446/2016 que cria o programa de Educação em Tempo Integral na rede estadual de ensino do Amapá e pela Portaria do Ministério da Educação nº 1.145 de 10 de outubro.
No total, o processo seletivo teve 1.025 inscritos. As inscrições foram realizadas pela internet, com material disponível no site da Seed, e divulgada amplamente nos veículos de comunicação. A próxima etapa consiste na entrega de documentos obrigatórios. Nos dias 12, 13 e 16 de janeiro, os candidatos deverão fazer a entrega dos documentos obrigatórios ao Núcleo de Ensino Médio (NEM), no prédio da Seed, no horário de 8h30 às 12 hroas e 14h30 às 18 horas, em envelope aberto para conferência. Os documentos que devem ser apresentados estão descritos nos editais dos certames, disponíveis nos sites www.processoseletivo.ap.gov.br e www.seed.ap.gov.br.
No dia 17 será publicado o resultado preliminar da análise documental e no dia 19 o resultado definitivo desta etapa. A prova objetiva para os aprovados na fase documental está marcada para o dia 20 de janeiro. Os selecionados passarão por capacitação.

 
Compartilhe:

Tópicos: