Mulheres auto-sustentáveis

Depois vem uma chuva de mulheres fazendo filhos por pensão alimentícia e bolsa família. Acredite, são muitas. E uma outra parte está aí com todo o silicone pra ganhar carros ou apartamentos ou se transformar em mulheres frutas.

Compartilhe:

Viva as mulheres autossustentáveis! Esqueça as flores, as cartas de amor e serenatas. O que elas querem é caro. Agora alcançaram a independência. Assumem cargos profissionais e políticos, e funcionam muitas vezes melhor que os homens. Mas essas, são minorias.

São Giselles, Júlias e Graces.

Depois vem uma chuva de mulheres fazendo filhos por pensão alimentícia e bolsa família. Acredite, são muitas. E uma outra parte está aí com todo o silicone pra ganhar carros ou apartamentos ou se transformar em mulheres frutas.
Desculpe, tenho medo da extinção daquele amor, antigo amor. O que posse dizer: colecionei sentimentos, tive sorte de ter mulhares autossustentáveis.

CONVERSA DE BAR
– Agora temos que ter alguma grana e alguns comprimidos azuis, disse um amigo meu.
O outro
– Preserve seu casamento.
E um outro ainda
– Não seja pão duro. Dê o presente que elas querem e parta pra cima.
Teve um que foi enfático
– Não bebo mais, tô de cabelos brancos, amo minha mulher, sou rei da felicidade, sou pai e tô rico.
E um outro finalizou
– Gastei a porra da grana toda com mulher e festa. Não tenho nem plano de saúde.
Recebi uma visita, semana passada. Estava em casa sozinho, segunda-feira, e adormeci meu sono intenso. Ela tocou a campainha e fui atender. A figura estava ali, em pé, com os lábios vermelhos, sem maquiagem e os olhos violetas.
– Posso falar com você, disse ela.
Pedi que ela entrasse. Ofereci-lhe uma cadeira e água. Ela tá fazendo faculdade de filosofia. Conversamos a tarde toda, sobre viagens, grandes escritores, preservação do planeta e do amor. E sobre música, claro.
Ela não queria nada de mim, pois tinha tudo. Desde esse dia não consigo acorda desse sonho – não consigo.

Bom domingo, Osmar Júnior.


 
Compartilhe: