Flamengo brilha no Brasileirão

Os três participantes da competição (Vasco, Botafogo e Fluminense), foram derrotados, deixando a clara intenção de que podem ir muito pouco além, nas restantes 37 rodadas do programa.

Compartilhe:

Fato incontestável se registrou na primeira rodada do Brasileirão 2019, no último fim de semana: a força de disputa apresentada pelos clubes cariocas, que apenas um dos quatro, venceu, com mérito, o Flamengo vencedor do Cruzeiro, com méritos de campeão.

Os três participantes da competição (Vasco, Botafogo e Fluminense), foram derrotados, deixando a clara intenção de que podem ir muito pouco além, nas restantes 37 rodadas do programa.

O Botafogo foi o primeiro a perder, no sábado, para o São Paulo, por 2 a 0,com sintoma visível de que a tarefa restante nos jogos seguintes não promete muita surpresas. A seguir, o Vasco levou de 4 a 1, do bom Atlético Paranaense que vem constantemente brilhando em sua trajetória. Por fim, o Fluminense caiu diante do Goiás, por 1 a 0. Isso, entretanto, não significa diagnóstico final quanto as possibilidades de melhora durante a disputa. O Flamengo que vinha do triste resultado contra a LDU, em Quito, que ameaça sua estabilidade na Libertadores, deu a volta por cima, vencendo do Cruzeiro, por 3 a 1, melhorando a posição de Abel Braga, que está meio caída.

Neymar
Não foi auspiciosa a volta de Neymar ao time do PSG, na última participação do time na Copa da França. Empatou no tempo normal com o Rennes, perdendo o título nacional, nos pênaltis. O pior foi para o brasileiro Neymar que, ao deixar o campo, se envolveu com um torcedor que o xingou, reagindo com gesto físico. O incidente está na área da entidade que já prometeu julgar o caso, com possibilidade de punição. Neymar já tinha sido punido pela Fifa, devido à ofensa dele ao árbitro do jogo com o Manchester United, em que o PSG perdeu a partida e foi registrado na súmula ofensa de Neymar. Ele foi suspenso por três jogos.

Santos
A partida mais comentada da primeira rodada do Brasileirão foi a vitória do Santos sobre o Grêmio, em Porto Alegre. Foi evidente a supremacia do treinador Jorge Sampaoli sobre Renato Gaúcho, confirmando que o argentino está consolidando o time da Vila Belmiro como forte candidato a brilhar no Brasileirão.


 
Compartilhe: