São Paulo vence e se mantém líder

O time são paulino tem grande chance de ficar na ponta porque o último, segunda-feira, 20, contra o Ceará.

Compartilhe:

O time do São Paulo não está para brincadeira e continua pulverizando seus adversários no Brasileirão e se mantendo na liderança da competição. A vítima de domingo, foi o Sport, que levou de 3 a 1, mostrando que o time de Aguirre está mesmo com os olhos fixos no título final, embora tenha em seu encalço o Flamengo, que também marcha firme para a coroação final. Domingo, no Maracanã, o Fla derrotou o Cruzeiro, 1 a 0, em partida longe de suas melhores atuações. A próxima rodada, de número 19, marca a metade da disputa e vai ocorrer forte pressão para a obtenção do campeão do primeiro turno, uma forma de comemoração importante em regime profissional. O time são paulino tem grande chance de ficar na ponta porque o último, segunda-feira, 20, contra o Ceará.

O Brasileirão continua amargo para alguns times. Vasco e Corinthians não conseguiram avançar e amargam derrotas sobre derrotas. Perder para o Chapecoense não é nada de mais, em outros tempos os 2 a 1 de domingo causa espanta no Timão acostumado a grandes vitórias. Outro ruim é o Vasco. Não conseguiu se levantar e apesar de trazer Jorginho com o salvador começa a miná-lo, depois da terceira derrota seguida: São Paulo (2 a 1),Corinthians (4 a 1) e Palmeiras (4 a 1). É muito pouco para um time do tamanho da Colina.

Neymar
Parece que Neymar tirou algumas lições da Copa do Mundo quando criticado pela maneira de agitação durante as partidas. Domingo ele formou no time do PSG na abertura do campeonato francês, contra o Caen. O time venceu fácil e a grande figura foi p goleiro Buffon. Neymar sofreu poucas faltas não oferecendo a reação costumeira.

Guerrero
O Flamengo se desinteressou de Paolo Guerrero e jogador acabou firmando contrato com o Internacional. O clube da Gávea deixou de não querer mais o jogador quando ele foi flagrado em doping ficando suspenso longo tempo. Mesmo assim, ele conseguiu efeito suspensivo e defendeu a seleção peruana da Copa do Mundo. Mesmo assim, Eduardo Bandeira de Melo, presidente do Flamengo abriu mão do jogador que, no final de semana assinou com o Internacional, até 2021. Guererro tem 34 anos.


 
Compartilhe: