VAR atrasa os jogos

A Ideia que apenas o árbitro veja a cena no monitor e determine o resultado.

Compartilhe:

As longas conversas do VAR para identificar de fato a infração durante o jogo tem chamado a atenção de que o novo sistema, ao invés de ajudar, está atrapalhando. Essa é a opinião do antigo árbitro Oscar Godoy, ao analisar um lance do jogo entre São Paulo e Corinthians, domingo pelo Campeonato Paulista e que terminou 0 a 0. A observação de Godoy é que a decisão demorou quatro minutos para ser conhecida, contrária a dinâmica do futebol. A Ideia que apenas o árbitro veja a cena no monitor e determine o resultado.

José Marin
Mesmo condenado prisão nos Estados Unidos pela justiça, José Maria Marin, ex-presidente da CBF, foi banido de vez do futebol, por decisão do conselho da Fifa que o considerou culpado pelo recebimento de propina quando exercia o cargo. Além do banimento, ainda terá que pagar R$ 3,2 mil, de multa.

PSG
Praticamente campeão no calendário francês, o time do PSG foi derrotado no domingo, por 5 a 1, para o Lille, que ocupa segunda colocação,mas não tem chance de conquistar o título, basta o time de Mpabbé obtenha mais uma vitória. Sem Neymar ainda fora do time, o jogador disse que pode perder, mas não de forma humilhante.

Briga
Tem torcedor que ainda não se conscientizou de que esporte é alegria. Na partida de domingo entre São Paulo e Corinthians, pelo Estadual Paulista, ante da bola rolar houve briga generalizada entre os torcedores dos dois times e a policia teve que agir prendendo vários deles, a levando à prisão 14 brigões.

Flamengo
Mais uma vez o Flamengo levou a melhor sobre o Vasco, na primeira partida decisiva do Campeonato Estadual do Rio de Janeiro. O Flamengo tem mostrado uma equipe bem estruturada e se mostra favorita para partida final, domingo, pela decisão.

Copa América
O pensamento do treinador Tite está todo dirigido para a disputa da Copa América, no Brasil, entre 14 de junho e 7 de julho. A idéia do treinador é movimentar a equipe pelo menos 20 dias, tarefa muito dificil, porque os convocados, quase todos jogando no exterior, provavelmente não serão liberados pelos clubes.


 
Compartilhe: