Produção

Com os recursos de emenda parlamentar do deputado Marcos Reátegui, começou a sair do papel ontem os Centros Cocacionais Tecnológicos (CVT), numa parceria da Universidade Federal Fluminense e órgãos estaduais. Um seminário debateu a verticalização do açaí, pescado e castanha do Brasil. Uma boa sacada.

Compartilhe:

Com os recursos de emenda parlamentar do deputado Marcos Reátegui, começou a sair do papel ontem os Centros Cocacionais Tecnológicos (CVT), numa parceria da Universidade Federal Fluminense e órgãos estaduais. Um seminário debateu a verticalização do açaí, pescado e castanha do Brasil. Uma boa sacada.

Social
Coordenadores do projeto SESI SENAI nos Bairros estão trabalhando a todo vapor para que a primeira edição, que acontecerá neste sábado, dia 8, na Escola Municipal Amazonas, localizada no município de Santana, durante toda a parte da manhã.

Mobilizar
A iniciativa reúne pessoas que têm em comum a vontade de ajudar ao próximo e contribuir para a melhoria da qualidade de vida da população, a partir da seleção de espaços públicos como praças e escolas.

Economia
Cerca de quinze gestores de pastas do setor econômico e tecnológico do Governo do Estado reuniram-se para traçar metas prioritárias para o biênio 2019/2021. Elegeram o açaí e o pescado como maiores motes.

Turismo
Um dos destinos mais populares do mundo, a Disney é o sonho de famílias que querem desfrutar de dias de muita diversão. Encontrar Mickey e Minnie, se esbaldar em montanhas russas, a companhia dos filhos.

Dicas
Saiba como planejar essa e outras viagens de férias e aproveitar momentos de alegria com a família do início ao fim. A primeira providência é planejar a viagem com antecedência. Mais em www.cleberbarbosa.net.

Espaço
O ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, o astronauta Marcos Pontes, foi à Caiena, capital da Guiana Francesa, como também visitou o Centro de Lançamento de Korou. A base de lançamentos pertence à Agência Espacial Europeia e é uma referência mundial no setor.

Trocas
O objetivo da visita do ministro é trazer ideias que possam ser implementadas no Centro de Lançamento de Alcântara, no Maranhão. Uma comitiva de 17 deputados e senadores também participou da visita. Em março, Brasil e EUA assinaram o Acordo de Salvaguardas Tecnológicas (AST) para uso de Alcântara.

Mercado
Para entrar em vigor, o acordo ainda precisa ser ratificado pelo Congresso Nacional. Caso seja confirmada, a medida permitirá que o Brasil ingresse em um mercado bilionário. Apenas em 2017, o setor movimentou cerca de US$ 3 bilhões em todo o mundo, segundo os EUA.


 
Compartilhe: