Recursos

Um sujeito dizia ontem ter resistido muito aos smartphones. “Queria um celular para falar”, ele dizia. Mas depois que foi forçado a comprar um, não vive mais sem essa tecnologia. “Não entro mais em fila de embarque para fazer check-in, reservo hotel e faço a locação do carro, tudo pelo celular”, diz. 

Compartilhe:

Um sujeito dizia ontem ter resistido muito aos smartphones. “Queria um celular para falar”, ele dizia. Mas depois que foi forçado a comprar um, não vive mais sem essa tecnologia. “Não entro mais em fila de embarque para fazer check-in, reservo hotel e faço a locação do carro, tudo pelo celular”, diz. 


 
Compartilhe: