Desfile

Desfile de 7 de Setembro levou cerca de 10 mil pessoas ao Sambódromo. Como sempre, um dos momentos mais esperados foi o de apresentação do Bope.

Compartilhe:

Desfile de 7 de Setembro levou cerca de 10 mil pessoas ao Sambódromo. Como sempre, um dos momentos mais esperados foi o de apresentação do Bope.

Óbito
Homem aparentando ter cerca de 30 anos foi encontrado morto na madrugada de sábado (8) em rua do Marabaixo III. Inicialmente não foram encontrados sinais de agressão.

Salário
Governo paga na segunda-feira (10) salário de servidores de cargos e contratos. Valores estarão em conta durante expediente bancário.

Aulões
Parceria entre Ueap e A Banda garante aulões de preparação para o Enem. Aulas serão ministradas por acadêmicos da Ueap e dividas por disciplinas, e, claro, ocorrem de forma gratuita.

Negado
Justiça negou pedido de acordo de leniência proposto pelo MP que beneficiaria o presidente da Alap, Kaká Barbosa, investigado pelo desvio de mais de R$ 1 milhão da Assembleia.

Excluídos
Grito dos Excluídos percorreu ruas do bairro Marabaixo III. Ato pediu o fim de privilégios e de desigualdades sociais em Macapá.

Bloqueio
Justiça determinou bloqueio de R$ 2 milhões da empresa Cachoeira Caldeirão pela morte de 3 toneladas de peixes. Casos ocorreram em 2016 e 2017.

Repressão
Vale do Jari foi alvo de operação da Polícia Civil no Dia da Independência. Cinco pessoas foram presas em flagrante por envolvimento o tráfico de drogas em Vitória do Jari.

Entrevistas
Segunda-feira (10) Davi Alcolumbre (DEM) abre rodada de entrevistas na Diário 90,9FM com candidatos ao governo do Amapá. De 8h às 9h.

HPV
Ministério da Saúde estima que 14 mil adolescentes devem se imunizar contra HPV em Macapá. Campanha foca na 2ª dose para adolescentes de 9 a 14 anos.

 

Rapidinhas

Ministério Público Eleitoral (MP Eleitoral) fiscalizou quatro postos de combustíveis, em Macapá/AP, para cobrar o cumprimento de recomendação emitida em junho

Segundo o documento, a venda de combustível in natura a candidatos e doadores, para uso nas eleições 2018, deverá ser formalizada por meio de contrato com o posto revendedor.

A construção do documento contou com a colaboração do Sindicato dos Postos de Combustíveis do Amapá.

No momento da visita, os representantes dos postos alegaram não ter os contratos em mãos. Foi dado prazo até esta segunda-feira (10) para que apresentem os documentos ao MP Eleitoral.


 
Compartilhe: