Cidades

Apae paralisa atividades por atraso de repasse; Sefaz diz que pagamento ocorre nesta quarta

Apaes paralisaram atividades para cobrar repasse do governo referente ao mês de dezembro de 2018. Procurada pelo Diário, Sefaz declarou que valor seria pago nesta quarta-feira (14).

Compartilhe:

Elden Carlos
Editor

 

A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), Macapá, anunciou nesta terça-feira (14) a paralisação das atividades na capital e nas Apaes dos municípios de Santana, Vitória e Laranjal do Jari. O motivo é o não repasse na ordem de R$ 522 mil do Termo de Fomento referente ao mês de dezembro do ano passado.


“Ontem [terça] iniciamos o movimento de paralisação para pedir a sensibilidade do governo em resolver esse problema que afeta diretamente mais de 200 colaboradores das Apaes. Temos a confirmação de que em maio passado a Seed fez a emissão da Programação de Desembolso (PD) e no mesmo período houve a publicação no Diário Oficial do Estado (DOE). É importante frisar que essa rubrica é exclusiva para pagamento dos trabalhadores. Todas as despesas de material de escritório, de higiene, enfim, as despesas diárias, são mantidas pela instituição. Queremos apenas resolver esse impasse para prosseguir com este tão importante trabalho”, disse o presidente da Apae Macapá, Abel Mendes.

Com a paralisação, o atendimento continuado fica prejudicado e deixa de atender os mais de 1,5 mil usuários do serviço especial. “Temos atendimento continuado em áreas como fisioterapia e odontologia. Essa equipe multidisciplinar trabalha com amor acima de tudo, mas é necessário que haja a contrapartida”, declarou.

Procurado pelo Sistema Diário, Josenildo Abrantes, secretário de Estado da Fazenda (Sefaz), afirmou – ainda pela manhã – que havia entrado em contato com a Secretaria de Estado da Educação (Seed), e que a pasta confirmou ter enviado a justificativa necessária à Sefaz para liberação do pagamento. “Seed já fez a justificativa; estamos pagando hoje”, assegurou o secretário Abrantes.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *