Cidades

Detran Amapá inicia leilão de 377 carros e motos

Departamento espera arrecadar R$ 700 mil em leilão que ocorrerá de 25 a 27 de junho

Compartilhe:

O Departamento Estadual de Trânsito do Amapá (Detran/AP) espera arrecadar em torno de R$ 700 mil com os 377 veículos que vão a leilão nos dias 25, 26 e 27 de junho, de 9h às 18h, na quadra da Igreja Jesus de Nazaré, no bairro Jesus de Nazaré, em Macapá. O órgão separou três dias (17 a 19 de junho) para os interessados avaliarem as 310 motocicletas e 67 carros que estão no depósito da instituição, no bairro São Lázaro.

Durante esse período, centenas de pessoas compareceram ao depósito para avaliar o estado dos veículos e, assim, adquiri-los com preço abaixo do mercado. Um deles foi o agente comunitário de saúde, Rubem Ribeiro, que já confirmou presença no leilão para arrematar uma moto. “Pelo que observei, tem muitas motocicletas em bom estado de conservação e espero dar um bom lance e arrematar uma que vai me ser útil principalmente para trabalhar”, verificou.

“A presença maciça de pessoas nos dias de avaliação é fruto do resultado positivo do certame passado. Não houve qualquer problema nas entregas dos veículos arrematados durante o leilão de 2018 e isso gera credibilidade na sociedade”, avalia o diretor-presidente Inácio Maciel. No leilão anterior, foram arrecadados R$ 578 mil com a venda de 280 veículos, sendo 259 motos e 21 carros.

De acordo com a presidente da Comissão de Leilão do Detran, Luane Ferreira, finalizadas as visitas de avaliação, segue-se agora as próximas etapas que serão o certame e, em seguida, a transferência dos veículos arrematados para os novos donos. “Essa transferência deve levar aproximadamente 30 dias úteis”, acrescentou.

Os veículos serão entregues aos novos donos sem qualquer restrição. O lance mínimo para moto é de R$ 200 e pode chegar até R$ 1,7 mil e para carros, vai de R$ 840 a R$ 13,5 mil.

Para participar do evento nos dias 25, 26 e 27 de junho, os interessados devem comparecer à quadra da Igreja Jesus de Nazaré com as seguintes documentações: Cadastro de Pessoa Física (CPF) ou Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ); carteira de identidade, no caso de pessoa física, ou documento de representação legal do arrematante, no caso de pessoa jurídica; comprovante de emancipação, quando for o caso e comprovante de residência.

O arrematante terá 24h de prazo para efetivar o pagamento do bem, sob pena de perda do direito ao veículo.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *