Cidades

Doadores avaliam serviços do Hemoap com conceito ótimo ou bom

O questionário ainda revelou que a maioria dos doadores são homens, eles representam 68% dos participantes da pesquisa.

Compartilhe:
O Instituto de Hematologia e Hemoterapia do Amapá (Hemoap) divulgou uma pesquisa realizada em 2019 que avaliou o grau de satisfação do atendimento dado para os doadores de sangue.

A pesquisa foi feita com 800 participantes e avaliou os setores da recepção, acolhimento, triagem técnica e clínica, sala de doação e a copa, todos em que os usuários tem acesso direto durante a doação de sangue. Os participantes puderam classificar os itens entre ótimo, bom, regular ou ruim.

Para 87% dos entrevistados o atendimento, espaço físico e tempo de espera na sala de doação foi considerado ótimo ou bom; 89% considerou ótima ou boa a recepção; a copa, local que oferece alimentação para os voluntários após a doação foi aprovada com 92% como ótima ou boa.

A ouvidora do Hemoap, Lourdes Lima, disse que o questionário foi construído como instrumento para que os próprios usuários pudessem avaliar os serviços ofertados pelo Instituto.

“Agora nós estamos desenvolvendo uma pesquisa de satisfação com os pacientes que fazem acompanhamento de doenças hematológicas no Instituto. Optamos por fazer de maneira separada porque são serviços distintos. Mostrar para a população que os doadores gostam do atendimento”, explicou.

Outros espaços que obtiveram conceito ótimo ou bom foram a triagem técnica com 86% e a triagem clínica com 85%, já a recepção obteve 76%. O questionário ainda revelou que a maioria dos doadores são homens, eles representam 68% dos participantes da pesquisa.

Deibison Maia, de 19 anos, foi doar sangue pela terceira vez, segundo ele a doação é muito rápida e fácil. “Só não doa quem não quer. O atendimento é muito bom, as pessoas são muito acolhedoras do começo ao fim, todos muito gentis. É um ato muito importante, se um dia você precisar já sabe que vai ter o sangue disponível para você, alguém vai fazer por você o que você fez pelos outros”, completou.

 

 

Como tornar-se um doador?

O Hemoap funciona das 7h às 11h30, de segunda a sexta-feira e fica localizado na Av. Raimundo Álvares da Costa, 1106, no Centro de Macapá.

Para torna-se um doador é necessário atender alguns requisitos básicos como: pesagem acima de 50 kg e idade entre 16 e 69 anos. No caso de menores de 18 anos, deve estar acompanhado de um responsável. Além desses requisitos, aconselha-se que a pessoa tenha descansado, no mínimo, 6 horas de tempo e esteja bem alimentado.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *