Cidades

Escolas da rede estadual de ensino se unem contra o Aedes aegypti

O Núcleo de Atendimento à Saúde do Educando (Nase) da Secretaria de Estado da Educação (Seed), em parceria o Comando de Fronteira do Amapá 34º BIS, realizou na manhã desta quarta-feira, 17, um encontro para tratar sobre o combate ao mosquito Aedes aegypti.  A parceria se estenderá às escolas da rede estadual de ensino.

Compartilhe:

Neste primeiro encontro, realizado no auditório do 34º BIS, participaram representantes de 61 escolas da Zona Sul de Macapá. Na oportunidade, os gestores escolares assistiram a uma palestra sobre os cuidados, prevenção entre outros.  O objetivo é alertar a comunidade escolar e a população sobre a importância do combate ao mosquito.

O evento também serviu para lançar a ação “10 Minutos Contra a Dengue”. A proposta consiste em ações semanais de apenas 10 minutos para limpeza de possíveis criadores. De acordo com a gerente do Nase, Cleide Dias, a ação está acontecendo de forma integrada em todos os Estados brasileiros e o Amapá também abraçou a campanha.

“Estamos reunidos com os diretores escolares para que também possamos trabalhar em favor do combate ao mosquito. As ações serão implementadas através de projetos pedagógicos durante todo ano letivo”, reiterou Cleide.

Questões de ciclo de desenvolvimento do mosquito também foram tema das orientações.   O Aedes aegypti possui metamorfose completa, passando pelas fases de ovo, larva, pupa e mosquito adulto, sendo que a larva se desenvolve em água parada, geralmente num período de oito a dez dias. A fase da pupa dura em torno de dois dias e o mosquito adulto vive em torno de trinta dias.

Além da dengue, o Aedes é transmissor da Chikungunya e Zika Vírus. Diante de toda a situação instalada, a população precisa se preocupar com seus espaços domésticos e de trabalho, descartar adequadamente o lixo e cuidar dos ambientes propícios à proliferação do mosquito.

“É uma ação conjunta de todas as forças armadas no intuito do combate ao Aedes. É um momento de esclarecimento e trabalho de campo. Cada aluno é uma família e é forma de difundir o trabalho de forma efetiva favorecendo toda a população”, afirmou o 1º tenente, médico e palestrante, Dabraji Otavio Dutra.

Em continuação, a ação de combate ao Aedes, a escola estadual Jacinta Carvalho, localizada no Distrito da Fazendinha, receberá técnicos do Ministério da Educação na próxima sexta-feira, 19, para o lançamento oficial da campanha “10 Minutos Contra a Dengue”.

 
Compartilhe:

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *