Cidades

Escolas do Lourenço recebem serviços de internet

Benefício foi possível com Indicação do vereador Piaba para os ministérios da Educação e da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações.

Compartilhe:

Douglas Lima

Da Redação

 

As duas únicas escolas de Lourenço, distrito do município de Calçoene, ambas públicas, uma municipal e outra estadual, já funcionam com serviços de internet, beneficiando aproximadamente três mil estudantes.

A melhoria, implantada dia 28 de junho passado, teve origem no Ministério da Educação que aceitou Indicação da Câmara Municipal de Calçoene, a pedido do vereador Raimundo Martil Piaba, que inclusive foi a Brasília pessoalmente protocolar o documento nos ministérios da Educação e no da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações.

Piaba foi recebido em gabinete pelo titular da pasta da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes. No retorno para Calçoene comunicou o resultado de sua missão aos colegas vereadores de Calçoene. Posteriormente foi ao Lourenço para anunciar a novidade que logo depois se concretizava naquele distrito.

As escolas com internet no Lourenço são a ‘Juvenal Guimarães Teixeira’, da Rede Estadual de Ensino, e ‘Harpa de Davi’, municipal. A Indicação do vereador Piaba, sobre pedido de internet, estende os serviços para a região do Carnot e demais distritos do município de Calçoene.

“Essas localidades, infelizmente, ainda não receberam serviços de internet em suas escolas, mas continuamos reivindicando junto ao ministro Marcos Ponte. Peço à população do Carnot e outros distritos, que não desanime, porque assim como Lourenço foi contemplado, vocês também terão o benefício dessa modernidade”, alertou Piaba.

Na redação do Diário do Amapá, o vereador fez questão de citar a professora Joana Rodrigues, diretora da escola Juvenal Guimarães Teixeira, apontando-a como importante nos trâmites que levaram à instalação da internet no distrito do Lourenço, uma vez que foi a primeira voz a insistentemente reivindicar o benefício.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *