Cidades

José Sarney lamenta impossibilidade de participar das comemorações alusivas ao Dia de São José

Ex-presidente da República e Senador pelo Amapá reitera carinho pelos amapaenses e mesmo sem mandato eletivo, reafirma disposição de continuar trabalhando pelo desenvolvimento do estado.

Compartilhe:

Sempre presente nas datas mais importantes do estado durante os 24 anos que representou o Amapá no Congresso Nacional, o ex-presidente da República José Sarney (MDB) justificou nesta sexta-feira (22) ao jornal Diário do Amapá, por telefone e através de e-mail, a sua ausência das comemorações alusivas a São José, padroeiro de Macapá, no último dia 19.

Conforme Sarney explicou, ele ficou impossibilitado de se ausentar de São Luiz (MA) por conta da enfermidade de sua esposa, dona Marly. Reconhecido como um dos grandes responsáveis pela construção da Catedral de São José, o ex-senador pelo Amapá destacou o “carinho enorme que tenho pelos amapaenses” e reiterou disposição de continuar se empenhando para viabilizar o desenvolvimento do Amapá, mesmo sem mandato eletivo.

“Lamento profundamente não poder reverenciar o Santo Padroeiro da querida cidade de Macapá, mas deixo registrado que esse é um dos dias de que não me esqueço, e do qual guardo recordações inesquecíveis e cada vez mais presentes, em especial o dia em que a Catedral de São José foi inaugurada; na ocasião mandei fazer os santinhos de São José de Macapá com a oração em homenagem ao Padroeiro, que eu mesmo escrevi como mostram os arquivos que lhe envio em anexo”, destacou o senador José Sarney.

Santinho com a oração em homenagem a São José escrita pelo ex-presidente da República e senador José Sarney, alusivo à inauguração da Catedral de São José, em 19 de março de 2006

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *