Cidades

Novos extintores também ‘desapareceram’ em Macapá

O Ministério das Cidades suspendeu pelos próximos 90 dias a obrigatoriedade do extintor de incêndio do tipo “ABC”.


Compartilhe:

 

O Ministério das Cidades suspendeu pelos próximos 90 dias a obrigatoriedade do extintor de incêndio do tipo “ABC”. A decisão foi tomada nesta segunda-feira (5). Durante esse período nenhum motorista poderá ser multado por não ter o novo item de segurança. A ausência do equipamento poderia render multa de R$ 127,69 e cinco pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

Nos últimos dias, a obrigatoriedade esgotou nas lojas o novo extintor. A nova resolução (333) entrou em vigor no dia 1º de janeiro e antes mesmo da virada do ano já estava em falta não só nas lojas especializadas de Macapá, mas em todo o Estado. A procura é tanta que uma loja organizou uma lista de espera de motoristas interessados em comprar o produto.

“Foi muito além da nossa expectativa. O estoque que tínhamos programado para aproximadamente dois meses foi vendido em dois dias. Agora estamos esperando uma nova remessa. Com isso, já temos uma extensa lista de espera”, disse Adilson Marques, gerente de uma das lojas especializadas de Macapá.

Precisam substituir o produto donos de carros fabricados até 2009. Os carros feitos a partir de 2010 já têm o novo modelo.

O extintor do tipo “ABC” é capaz de debelar chamas em estofados, tapetes e painéis – os antigos da categoria “BC” são eficazes somente contra chamas em equipamentos elétricos ou provocadas por líquidos inflamáveis.

 
Compartilhe:

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *