Cidades

Prefeitura discute políticas públicas no Fórum do Selo Unicef

Segunda versão

Compartilhe:

A Prefeitura Municipal de Macapá promoveu sexta-feira, 24, o 2° Fórum Comunitário do Selo Unicef. O evento, que aconteceu na Escola Municipal José Leóves Teixeira, foi iniciativa baseada na mobilização social pelas garantias dos direitos das crianças e dos adolescentes. Os municípios inscritos no Selo Unicef desenvolvem ações de fortalecimento das políticas nas áreas da educação, saúde, proteção e participação.

Sob a coordenação do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, o Fórum Comunitário é uma etapa obrigatória para que possa ser certificado com o Selo Unicef Município Aprovado. O selo é uma estratégia que tem como meta a redução das desigualdades que afetam as crianças e adolescentes e a garantia de seus direitos em municípios do Semiárido e da Amazônia Legal Brasileira.

O presidente do conselho municipal de Direitos da Criança e do Adolescente, Ângelo Pinheiro, ressaltou a importância da gestão municipal conceder os direitos previstos por lei com suas políticas públicas. “Já vimos grandes avanços, mas é preciso avançar ainda mais. Precisamos trabalhar para garantir os direitos de nossas crianças e adolescentes para que possam viver suas vidas como merecem e construir seus futuros com dignidade”.

Durante o primeiro fórum ocorrido em 2013, foram estabelecidas metas para fortalecer e ampliar as políticas para as crianças e adolescentes nas áreas da Educação, Saúde e Assistência Social. Nesta segunda edição, o Fórum Comunitário acontece para avaliar os desdobramentos do Plano de Ação definido em 2013. “Mais do que uma avaliação, os fóruns servem para promover a integração das secretarias que trabalham e desenvolvem políticas públicas otimizando recursos, realizando a gestão compartilhada. E essa é a maior inovação do Selo Unicef para os municípios”, ressaltou a mediadora do Unicef, Kassya Fernandes.

 
Compartilhe:

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *