Cidades

Programa Peixe Popular inicia programação da Semana Santa

Degustação gratuita de espécies do mar marcou o início da programação. Comercialização do pescado inicia nesta terça-feira, 16, em cinco municípios.

Compartilhe:

A programação do programa Peixe Popular para a Semana Santa deste ano iniciou nesta segunda-feira, 15, com a degustação gratuita de espécies do mar, que foram servidas fritas na sede da Colônia de Pescadores Z1, na orla do bairro Perpétuo Socorro, zona leste de Macapá.

O objetivo do evento foi estimular o consumo de peixes do mar, como corvina, pescada amarela, pescada gó, entre outras. O Amapá, segundo o diretor-presidente da Agência de Pesca do Amapá (Pescap), Edson França, possui o maior banco pesqueiro de água salgada do Brasil. Apesar disso, no mercado interno ainda predomina a preferência pelo consumo de espécies de rios e lagos.

A partir desta terça-feira, 16, mais de 150 toneladas de pescado de água doce e salgada serão vendidas a preços populares em 17 pontos nos municípios de Macapá (9), Santana (5), Porto Grande (1), Itaubal do Piririm (1) e Vitória do Jari (1).

Nos locais também serão comercializados peixes produzidos nos tanques de piscicultura apoiados pelo governo do Estado, através da Pescap, com fomento em recursos financeiros. Nos dias 17 e 18 – quarta e quinta-feira – nas zonas norte e sul de Macapá, dois empreendedores donos de cativeiros estarão nos pontos comercializando o seu pescado.

O diretor-presidente da Pescap ressaltou que o Estado tem fomentado a cadeia produtiva da piscicultura para buscar autossuficiência como alternativa para reduzir a pressão da pesca nos rios e lagos, medida para preservação sustentável das espécies.

“Já temos R$ 1,1 milhão em recursos, de uma emenda do ex-deputado federal Marcos Reátegui, para o fomento à cadeia do camarão, a 100 camaroeiros de Santana e Mazagão, e para 48 piscicultores espalhados pelos municípios do Estado”, informou França.

Os preços nos pontos de venda do programa Peixe Popular variam entre R$ 7 e R$ 15 o quilo. A vendas vão até sexta-feira, 19. O filé de peixes do mar poderá ser encontrado no ponto que será montado em frente à Feira do Produtor, do bairro Buritizal, com espécies como uritinga, corvina, bagre, pescada gó, cará-açu.

A comercialização de tambaquis e pirapitingas vivos será nos dias 17 e 18, nos pontos de venda do bairro Buritizal e em frente à Feira do Pacoval, na zona norte de Macapá.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *