Cidades

Tubulações irão melhorar sistema de abastecimento de água

O empreendimento é um compromisso do Governo do Amapá, que já adquiriu as tubulações a serem utilizadas na implantação da rede de distribuição e de adutoras do sistema.

Compartilhe:

Devem iniciar nas próximas semanas as obras do tão sonhado sistema de abastecimento que vai levar água tratada para os 6 mil moradores, aproximadamente, da Baixada do Ambrósio, comunidade localizada na área portuária de Santana, município a 17 km de Macapá.

O empreendimento é um compromisso do Governo do Amapá, que já adquiriu as tubulações a serem utilizadas na implantação da rede de distribuição e de adutoras do sistema. Ao todo, serão oito quilômetros de rede para levar o produto até as pouco mais de 2 mil casas localizadas na comunidade. O material chegou nesta sexta-feira (22) a Santana.

O anúncio do empreendimento foi feito pelo governador Waldez Góes no fim de 2018, após diversas tratativas com a população. O valor orçado está na ordem de R$ 3 milhões, recursos integralmente do tesouro estadual. A previsão é que a obra seja concluída 120 dias após o início.

Segundo o diretor-presidente da Caesa, Valdinei Amanajás, com a chegada do material será possível iniciar os serviços em até 15 dias.

“Esta tubulação já corresponde a 50% do que será utilizada na obra e já permite que a empresa responsável inicie a primeira etapa da obra”, afirmou.

O novo sistema de abastecimento está divido em três fases: a construção de um módulo de tratamento na Estação de Santana, a implantação de uma adutora com extensão de 2.830 metros e de 8 km de rede, incluindo a ligação dos ramais nas residências.

O diretor técnico da Caesa, João Paulo Monteiro, destacou que a obra permitirá maior produção e pressão no fornecimento de água, pois a adutora atenderá exclusivamente o bairro.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *