Nota 10

Carnaval 2020: conhecendo a história da Império da Zona Norte

Escola leva para a avenida em 2020 o enredo ‘Meu jeito tucuju’, homenageando amapaenses e valorizando a música de Val Milhomem e Joãozinho Gomes.

Compartilhe:

Railana Pantoja
Da Redação

Com apenas 34 anos, a Escola de Samba Império da Zona Norte, como bem revela o nome, surgiu na zona norte de Macapá, mais precisamente no bairro Jardim Felicidade. “Foi fundada pelo nosso Rei Momo Sucuriju, Dani, Elba e outros que fundaram juntamente com o crescimento da zona norte. Eles eram de outras Escolas, Sucuriju foi por muito tempo mestre-sala da Boêmios do Laguinho. Então, eles resolveram montar aquilo que era uma brincadeira. Saíram na avenida e foram pra Fab, deu certo no primeiro ano e a partir daí a escola iniciou uma grande trajetória”, narrou Wiliam Matos, presidente da agremiação.


Inicialmente a Escola chamava-se Jardim Felicidade, por causa do bairro de origem, mas mudou de nome para que, logo no início, os ensaios itinerantes fossem “aceitos” pelos outros bairros. “Com o tempo acharam a necessidade de fazer ensaios itinerantes, mas aí tinha o problema com os outros bairros que não aceitavam porque a Escola era a Jardim Felicidade. Então, fizemos uma mudança e deu certo, virou Império da Zona Norte e os outros bairros se sentiram agraciados. A gente considera que da ponte pra lá é a Império”, explicou.

Um enredo que marcou a Império da Zona Norte foi apresentado no Carnaval 2014. “Jardins do mundo: Eu faço um império de ilusões. Nesse enredo a gente vinha falando dos Jardins, que era pra homenagear também o nosso bairro. Foi o maior Carnaval que nós já colocamos na avenida, ficou marcado pelo tamanho que escola foi. É aquilo que eu digo, ela tem uma crescente, a cada ano vem aumentando”, relembrou Wiliam.


No último desfile de carnaval a agremiação caiu para o grupo de acesso, mas, o presidente garante que em 2020 a Império da Zona Norte apresenta um projeto diferente para retornar ao grupo especial. “A Escola já tem vários títulos do grupo de acesso. Em 2014 subimos para o grupo especial, conseguimos nos manter por alguns anos e no último desfile tivemos a infelicidade de cair para o grupo de acesso. Mas, em 2020, estamos voltandocom um projeto audacioso para retornar ao grupo especial, que é o lugar da Império”, avisa.


O enredo de 2020 é ‘Meu jeito tucuju’, uma homenagem ao jeito de ser dos amapaenses e também uma valorização da música de Val Milhomem e Joãozinho Gomes. “É em cima da obra deles, é uma canção linda. E quando ela foi idealizada ainda não era hino cultural amapaense, hoje já é. É um desafio imenso falar dessa canção e colocar ela na avenida, pra gente é algo novo pegar uma canção e transformar em enredo. Mas a canção transmite algo, e é isso que nós queremos transmitir também, o jeito de ser do povo daqui”, falou.

Império da Zona Norte desfila no dia 22 de fevereiro, a partir das 23h35min.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *