Última hora Polícia Política Cidades Esporte

Publicidade
Nota 10

Edital do Processo Seletivo da Unifap será lançado em maio de 2021

Segundo Elda Araújo, pró-reitora de Graduação e Ensino da Unifap, a pandemia fez os calendários do SiSU e da instituição serem incompatíveis.


Railana Pantoja
Da Redação

 

A Universidade Federal do Amapá (UNIFAP) optou por não aderir ao Sistema de Seleção Unificada (SiSU) em 2021 para ingresso de alunos na instituição de ensino. Sendo assim, os interessados em algum curso da Unifap devem fazer o Processo Seletivo (PS).

“Ainda estamos vivenciando o nosso calendário acadêmico de 2020. Então, fizemos um estudo e identificamos que em 2021 seria inviável fazer adesão ao processo do SiSU, por causa da incompatibilidade do calendário acadêmico. Enquanto estamos cumprindo o calendário de 2020, o SiSU está chamando já para 2021”, justificou Elda Araújo, pró-reitora de Graduação e Ensino da Unifap.

Além disso, a pró-reitora disse que muitas vagas selecionadas pelo SiSU ficam ociosas e a matrícula nem é efetivada, sendo necessário realizar diversas chamadas públicas para preencher a oferta.

“Em muitos casos a pessoa se inscreve nos dois, SiSU e PS. E aí, o que acontece: normalmente o aprovado pega a vaga no processo seletivo e abandona a vaga do SiSU. Como consequência, temos que fazer várias chamadas públicas para preencher as vacâncias. Além disso, existem casos em que o aprovado é de fora do estado, se inscreve no SiSU, mas não comparece para efetivar a matrícula. E ainda tem aquele que é aprovado em outras Universidades de maior interesse pessoal e acaba deixando a Unifap”, complementou.

Prazos
O edital do Processo Seletivo da Unifap será lançado na segunda quinzena de maio de 2021; em julho será aberta a inscrição dos candidatos; e em agosto, ocorre a seletiva. Em setembro o resultado será publicado, e, em 16 de outubro, as aulas do calendário 2021 devem começar.

“Esse é o nosso cronograma, já que a Unifap está destinando 100% das vagas através do Processo Seletivo. E, além disso, no nosso processo temos a bonificação regional de 20% para todos os estudantes que estudaram integralmente o ensino médio em escolas públicas do Amapá, mesorregião do Marajó ou município de Almeirim (PA). Também quero deixar claro que vamos utilizar na seleção as duas últimas notas do Enem, dos anos de 2019 e 2020”, finalizou Elda Araújo.


Comente