Nota 10

Investimentos para a Dança

A ministra da Cultura, Ana Cristina Wanzeler, lançou essa semana a edição 2014 do Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna, em Brasilia, com a participação do presidente da Funarte, Guti Fraga, do diretor do Centro de Artes Cênicas, Antonio Gilberto, e do coordenador de Dança, Fabiano Carneiro. A cerimônia contou, ainda, com as presenças dos […]

Compartilhe:

A ministra da Cultura, Ana Cristina Wanzeler, lançou essa semana a edição 2014 do Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna, em Brasilia, com a participação do presidente da Funarte, Guti Fraga, do diretor do Centro de Artes Cênicas, Antonio Gilberto, e do coordenador de Dança, Fabiano Carneiro. A cerimônia contou, ainda, com as presenças dos consagrados coreógrafos Renato Vieira e Regina Miranda na plateia.

 

“Este prêmio é um ótimo meio de fomentar as atividades artísticas, além de estimular as atividades de artistas consagrados e de novos talentos, tem o mérito de fazer com que os espetáculos circulem pelo país”, afirmou a ministra, acrescentando que o convite para participar do Ministério da Cultura em 2014 foi um “presente”: “É uma pasta que trata de temas especialíssimos”, observou.


Com investimento total de R$ 6 milhões, o edital é dividido em três categorias: atividades artísticas para artistas consolidados, atividades artísticas para novos talentos (para proponentes com até três anos de atividades) e circulação nacional de espetáculos. Ao todo, serão contemplados 82 projetos de todo o país, que receberão premiações de R$ 44 mil a R$ 100 mil.

 

O prêmio para grupos da Região Norte que quiserem circular por estados de outras regiões foi mantida este ano. O mesmo será oferecido para montagens de qualquer localidade que queiram se apresentar na Região Norte. As inscrições estarão abertas por um período de 45 dias após a publicação do edital, que ainda não tem data definida. Poderão concorrer pessoas físicas e jurídicas. A íntegra do edital estará disponível no Portal Funarte www.funarte.gov.br e as inscrições poderão ser feitas pelos Correios. (www.cultura.gov.br).

 
Compartilhe:

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *