Nota 10

Juca Culatra lança novo clipe musical

Juca Culatra conheceu o produtor e guitarrista Marcel Barretto resolveram montar uma banda e colocar para fora toda sua música e poesia. O começo foi tocando um reggae misturado com outras influências musicais

Compartilhe:

Juca Culatra é um cantor e compositor paraense, começou a cantar no dia 26 de abril de 2009, justamente no dia de seu aniversário, mesmo antes disso, sempre atuou como produtor cultural em Belém, trabalhando com bandas locais, captando recursos e realizando eventos e festivais no cenário cultural paraense no ano de 2009.

Juca Culatra conheceu o produtor e guitarrista Marcel Barretto resolveram montar uma banda e colocar para fora toda sua música e poesia. O começo foi tocando um reggae misturado com outras influências musicais, ele sempre buscou misturar ritmos e descobrir novas sonoridades, o seu primeiro disco, o DINOSAPIENS, foi gravado em Belém, no Casarão Floresta Sonora e teve a produção musical de Léo Chermont e MG Calibre, seu lançamento oficial aconteceu no ano de 2010, a mensagem das letras fala da luta do homem contra a degradação do meio ambiente e das mazelas de nossa sociedade, sempre cantadas de maneiras irônicas, inteligentes e muito engraçadas.

No seu segundo disco Juca começa a buscar a sua sonoridade dentro da matriz musical popular paraense. Não saindo de sua influência inicial, o reggae, Juca decidiu fazer um novo disco com versões de grandes sucessos do Brega paraense no estilo jamaicano. Sucessos de grandes mestres da música pop brega paraense no Cd BREGGAE (BREGA REGGAE), tiveram levadas de dancehall, reggae roots e muito mais, com esse projeto Juca Culatra conseguiu fazer um resgate de grandes compositores locais e ao mesmo tempo transformar o seu próprio shows e divulgar sua música pelas cidades do interior do Estado do Pará.”Com o BREGGAE eu pude realizar um grande sonho que era de conhecer a Amazônia profunda” conta Juca.
Em 2016, Juca Lançou seu terceiro disco o SKREGA (SKA BREGA) que traz influências do calipso, do brega com a levada de guitarra do ska. O CD foi produzido pelo produtor e guitarrista Pedrinho Farias, irmão mais velho e professor musical do músico paraense Chimbinha. O disco foi gravado e mixado em Belém, o álbum traz uma sonoridade dançante e letras inteligente, Juca Culatra buscou os mais conceituados músicos paraenses que atuam no cenário do brega local para preencher arranjos de metais, cordas, guitarras, percussões em um Cd muito dançante.

Juca prepara o lançamento do seu quarto álbum, mais uma vez ele vem misturando ritmos paraenses com a sonoridade jamaicana, ragga, carimbó, lundu e síria desta vez estarão com a produção musical de Will Love da Gang do Eletro e também produtor musical da WebSérie Sampleados. Nesse álbum teremos batidas eletrônicas e orgânicas misturadas com banjos e maracas. Juca lançou dois singles e videoclipes desse próximo Álbum, o primeiro lançado foi a irreverente música “Carimbó do ET” que conta a história do extraterrestre que chega no planeta e fica indignado com as guerras e a destruição da floresta amazônica. A pauta continua a mesma e sua poesia mais uma vez trata de maneira irônica o cotidiano do ser humano contemporâneo, a música possui videoclipe que pode ser assistido no canal do youtube do artista, onde também podemos encontrar o segundo videoclipe do seu próximo álbum “Essa mistura, esse balanço” a música é um homenagem ao Maestro paraense Waldemar Henrique e aos mestres de carimbó, foi composta por Juca em parceria com Marcos Maderito e Will Love integrantes da “Gang do Eletro”.

Juca agora acaba de lançar o terceiro videoclipe que compõe o seu próximo álbum, dessa vez ele lançou a música “Caçador de Likes” que tem a parceria da cantora e compositora paraense Thais Badu e também do compositor e cantor Manauara Marcelo Nakamura. Todas as produções em audiovisual tem a edição, a produção e a direção assinadas pelo próprio artista, que promete lançar videoclipes de todas as faixas desse seu novo álbum.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *