Nota 10

Loham lança videoclipe da canção “Pretou, Brilhou”

Em “Pretou, Brilhou” o artista exalta sua ancestralidade e nos instiga a rever nosso olhar sobre a nossa própria origem e futuro.

Compartilhe:

Identidade e ancestralidade são os principais temas da canção “Pretou, Brilhou”, do cantor e compositor Loham, que ganhou agora um videoclipe gravado em Goiânia. Um trabalho produzido e dirigido por profissionais de Macapá e que será lançado dia 10 de novembro no Youtube do cantor.

Loham, que é amapaense, se descobriu artistas há seis anos em Goiás, e em maio deste ano lançou seu primeiro CD Igarapé Elétrico que mistura sons eletrônicos com ritmos amazônicos como Marabaixo e Carimbó. Agora se prepara para lançar seu primeiro videoclipe de uma das faixas mais importantes do álbum.

“Depois que mudei de Macapá percebi como a cor da minha pele, que no seio familiar era motivo de afeto e admiração, em outros espaços é gatilho para preconceito e discriminação. Quando você acessa espaços que até então são comumente ocupados por brancos, o racismo se coloca”, conta Loham.

Para o artista as vivências que serviram de inspiração para a canção o levaram a pesquisar sobre colorismo ou pigmentocracia, que segundo o portal Geledes é “a discriminação pela cor da pele muito comum em países que sofreram a colonização europeia e em países pós-escravocratas”. De uma maneira simplificada, o termo quer dizer que, quanto mais pigmentada uma pessoa, mais exclusão e discriminação essa pessoa irá sofrer.

“Eu tenho a pele clara e traços indígenas, e tenho certeza que isso facilitou meu acesso a uma série de lugares e oportunidades. Quanto mais retinta a pele e mais destacados os traços negroides, mais forte é o racismo no Brasil”, destaca Loham.

 

O artista
Loham é nascido e criado em Macapá. Fez sua estreia musical com o álbum Igarapé Elétrico, lançado em 20 de maio de 2020. O disco contém 10 faixas autorais inspiradas em sua origem amazônida e nas vivências Brasil afora, produzido por Dênio de Paula e Daniel de Paula.

Imagens e Making of: Giselle Alves

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *