Última hora Polícia Política Cidades Esporte
Polícia

Após atirarem em homem, assassinos abandonam carro da fuga e fogem correndo

Condenado por roubo, Willian Barbosa Monteiro, de 19 anos, morreu no HE após ser alvejado por tiros na cabeça.


Jair Zemberg
Da Redação

 

Na tarde desta quarta-feira (25), uma equipe do batalhão de Força Tática da Polícia Militar foi acionada via Ciodes para atender uma ocorrência de disparos de arma de fogo, na rua São Sebastião, bairro São José, zona norte de Macapá.

Ao chegar no local da ocorrência, os policiais foram informados que Willian Barbosa Monteiro, de 19 anos, um apenado do Iapen, condenado pelo crime de roubo (art. 157) e que fazia o uso de tornozeleira eletrônica, foi alvejado por disparos de arma de fogo na região da cabeça.

Dois indivíduos desceram de um carro HB 20, de placa NEJ 5833, de cor escura, se aproximaram e um deles atirou em Willian, que foi socorrido por meios particulares e levado para o Hospital de Emergência, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito quando ainda dava entrada na unidade de saúde.

Nesse crime, chamou atenção que o motorista não conseguiu funcionar o motor do carro, então os três indivíduos deixam pra trás o carro da fuga e fogem correndo. “Quando os nossos policiais chegaram ao local da ocorrência, os autores dos disparos já haviam se evadido. A vítima foi levada para o hospital, e só foi encontrado o HB 20 abandonado. Só nos restou fazer a apresentação do veículo à autoridade civil no CIOSP do Pacoval, até porque o carro não tem restrição de roubo ou furto”, explicou o Capitão Andrei Túlio, do Força Tática.

A nossa equipe de reportagem recebeu informações, de amigos do Willian, de que ele vinha sofrendo ameaças de morte há vários dias, inclusive pessoas desconhecidas foram vistas rodando em carro e em moto procurando por ele, sendo que nesta quarta (25) foi encontrado e assassinado.


Comente