Polícia

Bope ministra instrução de gerenciamento de crise para agentes da Capturas

Além de fortalecer a política de segurança entre Bope e Capturas, instrução serve para preparar agentes da PC para atuar com resposta rápida em casos que envolvam a tomada de reféns.

Compartilhe:

Elden Carlos
Editor

 

Agentes da Divisão de Capturas, da Polícia Civil do Amapá, participaram [durante dois dias] de uma instrução de gerenciamento de crise com reféns e protocolo de primeira intervenção de crises com reféns, ministrada pela Companhia de Operações Especiais (COE), do Batalhão de Operações Especiais (Bope).

Segundo a Divisão de Relações Públicas e Imprensa, do Bope, a doutrina e instruções contemplaram a parte teórica, estudo de casos e exercícios práticos, através de simulações de ocorrências. A Divisão de Capturas da Polícia Civil é responsável, sobretudo, pelo cumprimento de mandados de prisão expedidos pela justiça e atua no apoiamento de operações deflagradas no estado pela PC.

Durante a execução das ordens, os agentes podem se deparar com situações envolvendo resistência armada de criminosos ou até mesmo a tomada de reféns. Por isso, segundo o Batalhão de Operações Especiais, é fundamental que os agentes estejam preparados para atuar em situações de crise com todo o conhecimento técnico e prático.

A instrução também serve para estreitar e fortalecer os laços entre as duas instituições que compõem o aparelho de segurança pública do Amapá.

Imagens DRPI/Bope

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *