Polícia

BPTRAN registra aumento no número de acidentes de trânsito durante apagão

No período de 3 a 16 de novembro, houve um aumento de aproximadamente 60% no número de acidentes com danos materiais.

Compartilhe:

Railana Pantoja
Da Redação

 

O Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTRAN) da Polícia Militar do Amapá (PMAP) registrou um aumento no número de acidentes de trânsito no Amapá, especialmente na capital, durante o apagão.

“Tivemos um aumento significativo nos acidentes com danos, em relação ao mesmo período do mês passado e do ano passado. Fizemos a nossa estatística do dia 3 até 16 de novembro e percebemos um aumento de 60% dos acidentes, somente danos. Foi um aumento significativo, devido a esse transtorno que nós estamos vivendo na capital e no interior do estado”, informou o tenente Santiago, chefe da Divisão de Relações Públicas e Imprensa (DRPI) do BPTRAN.

De acordo com o tenente, os maiores índices são na capital. Um fator importante a ser considerado é em relação aos semáforos, que apresentam instabilidade com o rodízio de energia.

“Temos mais problemas especialmente na capital, onde alguns semáforos não estão funcionando. No meu último serviço, na sexta-feira (20), tivemos três acidentes, justamente em cruzamentos onde os sinais deveriam estar funcionando, mas não estavam. Acontece que, depois que retorna a energia para aquele perímetro, os semáforos começam a funcionar de maneira desorganizada e acabam causando esses acidentes. Inclusive, no sábado (21), tivemos uma situação em que a viatura estava com os sinais sonoros ligados e tinha preferência, mas o outro motorista não deu e bateu a viatura. Nós estávamos atendendo uma ocorrência no momento e o motorista avançou”, complementou.

Nesses casos, o tenente Santiago reforça a importância da educação e gentileza no trânsito, como forma de evitar acidentes e perdas.

“Que o condutor tenha atenção redobrada, exerça uma consciência de gentileza, de ceder. Esqueça nesse momento a pressa, a vida é mais importante. Tenha prudência, respeite o outro, tem que ter paciência. Se a gente levar para esse lado da disputa, está tudo conflitando nesse momento, então, devemos ter gentileza. Buzine, preste atenção e, se possível, dê a preferência”, finalizou o tenente Santiago.

Disk Denúncia
Além do 190, o BPTRAN disponibiliza o telefone (96) 98803-0402 para que os cidadãos possam realizar denúncias e auxiliar o serviço do Batalhão.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *