Polícia

ICMBio e PC deflagram ‘Operação Pente Fino’ em Laranjal do Jari

Operação já prendeu quatro pessoas por porte ilegal de arma de fogo e invasão de unidades de conservação na região Sul do Amapá.

Compartilhe:

Elden Carlos
Editor-chefe

 

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) em conjunto com a 1ª Delegacia de Polícia Civil de Laranjal do Jari, na região sul do Amapá, deflagram desde o dia 9 deste mês a ‘Operação Pente Fino I’. Objetivo é o controle, monitoramento, e ações repressivas contra crimes ambientais dentro da Ocupação Irregular do Limite Oeste; região do Alto Cajari; Reserva Extrativista do Rio Cajari e da Unidade de Conservação Federal.

O primeiro relatório divulgado nesta sexta-feira (16) apresenta números positivos. Quatro pessoas foram presas em flagrante por invadir a unidade de conservação do Limite Oeste portando munições e armas de fogo. As prisões ocorreram em um dos ramais de acesso onde foi instalada uma barreira fixa.

Ainda foram apreendidas 2 motosserras; 2 armas de fogo; 1 rifle de pressão e 5 buldogues (armadilhas de caça). Mais de setenta pessoas já foram abordadas, sendo que cinco delas foram notificadas a desocupar a unidade de conservação. Elas não tinham autorização do ICMBio para ocupar a área.

Agora a operação entra na fase de busca ativa e mira alvos envolvidos em crimes de desmatamento, queimadas, caças e pescas ilegais, além da invasão das unidades de conservação federal. A operação ocorre por tempo indeterminado.

 

Fotos: divulgação/PC/ICMBio

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *