Polícia

Mãe deixava filho deficiente trancado em quarto para vender drogas

Criança, de 10 anos, é deficiente mental e tem dificuldades de locomoção. Segundo a polícia, mãe deixava o filho trancado e sozinho em casa para poder sair e vender entorpecentes.

Compartilhe:

Elden Carlos
Editor-chefe

 

Um menino, de 10 anos, com deficiência mental e problemas de locomoção, foi encontrado trancado no cômodo de uma residência localizada na sede do município de Calçoene, distante 374 quilômetros de Macapá, durante a Operação Gênesis, deflagrada pela Polícia Civil em repressão ao tráfico de drogas naquela região.

De acordo com o delegado Niury Relry, que coordenou a operação, a criança foi encontrada no chão do imóvel, em condições insalubres e degradantes. A mãe dele foi presa com outra mulher na casa ao lado. Elas estavam comercializando entorpecentes.

“Encontramos a criança, que é portadora de necessidades especiais, no chão de um quarto. A porta do quarto estava fechada pelo lado de fora. Acionamos o Conselho Tutelar para tomar as medidas de acolhimento. Além de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas, a mãe da criança foi indiciada por maus-tratos e abandono de incapaz”, destacou o delegado.


Ainda durante a operação, um homem, de 34 anos, e uma mulher, de 24 anos, foram presos em cumprimento ao mandado de prisão decorrente de sentença condenatória por tráfico de drogas.

Imagens: Divulgação/PC

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *