Polícia

Preso no Amapá pai que estuprou a filha por 3 anos no Pará

Vítima, hoje com 12 anos, começou a ser estuprada pelo próprio pai aos nove anos de idade. Crimes ocorriam em uma comunidade próxima à cidade de Breves (PA).

Compartilhe:

Elden Carlos
Editor-chefe

 

Policiais da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes praticados contra a Criança e o Adolescente (DERCCA) prenderam preventivamente nesta quinta-feira (26), no bairro Congós, zona sul de Macapá, um homem, de 30 anos, considerado foragido pela justiça do estado do Pará, onde ele responde pelo crime de estupro de vulnerável.

Segundo o delegado Ronaldo Entringe, que comandou a prisão, consta no inquérito policial, tombado no município de Breves (PA), que o preso abusava da própria filha – que hoje tem 12 anos – desde quando a vítima tinha a idade de 9 anos. A família morava em uma comunidade ribeirinha no entorno da sede do município paraense.

“Cumprimos o mandado de prisão do acusado, que fugiu de Breves e estava morando desde o início do ano em Macapá. Estamos diante de um crime cruel, onde o pai estuprou a filha por diversas vezes, e, ameaçou e agrediu a ex-companheira depois que a mesma descobriu”, destacou o delegado.

Após incessantes abusos a criança teve o comportamento alterado, o que chamou atenção da mãe. A genitora passou a questionar a filha sobre o que estava ocorrendo. A menina decidiu contar sobre os estupros. O pai se aproveitava dos momentos em que a companheira saia de casa para abusar da garota.

Após ter o caso denunciado o homem fugiu para Macapá. A 1ª Vara de Justiça de Breves expediu mandado de prisão preventiva. A integração entre as polícias dos estados vizinhos logrou êxito na localização e prisão do estuprador. Ele será recambiado para o município paraense nos próximos dias.

Imagem: Divulgação/PC

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *