Polícia

Suspeita de assassinar universitária na saída de boate será apresentada à polícia

Mulher – que ainda não teve o nome divulgado – será apresentada pela defesa nesta sexta-feira (13).

Compartilhe:

A principal suspeita de ter assassinado a facadas a universitária Joyce Luane da Silva Pereira, de 21 anos, morta na madrugada de domingo, 8, na saída de uma boate no município de Santana, distante 17 quilômetros da capital, deve ser apresentada na Polícia Civil pelo advogado de defesa nesta sexta-feira, 13, de acordo com o delegado Sandro Torrinha, presidente do inquérito.

Segundo o delegado, a suspeita teria confundido Joyce Pereira com outra mulher com quem havia tido uma briga horas antes no interior da boate. “Ela [suspeita] teria se desentendido com outra mulher na festa e acabou expulsa do local. Aguardou a saída da rival, pra se vingar, mas essa outra pessoa teria deixado o ambiente por outra saída. A moça assassinada foi morta por engano”, declarou.

A polícia ainda apura o envolvimento de uma menor no crime. Após ser atacada, Joyce foi socorrida por meios próprios e encaminhada ao Hospital de Santana, mas não resistiu e acabou morrendo. O nome da suspeita ainda não foi revelado.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *