Política

“Brahúna tinha condições intelectuais para ser ministro”, diz advogado Rubem Bemerguy

Amigo e admirador do magistrado falecido no fim de semana, recebe homenagem em entrevista no rádio.

Compartilhe:

Cleber Barbosa
Da Redação

 

O advogado Rubem Bemerguy, prestou uma homenagem ao desembargador Constantino Brahuna, falecido no final de semana, a quem define como uma das mentes mais brilhantes que já conheceu não apenas na área do direito, mas na vida. Foi durante entrevista à Diário FM (90,9), convidado a comentar a perda de um dos mais atuantes magistrados do Judiciário local, no programa LuizMeloEntrevista.

 

Bemerguy disse ter trabalhado e estudado não apenas o direito, mas também compartilhava outra paixão em comum que tinham, a poesia – como também a música.

 

Manifestando profunda emoção, o advogado recordou ainda alguns episódios e experiências de trabalho mas, fundamentalmente, os encontros descomprometidos de fim de tarde em sua residência.

 

Disse que pretende continuar estudando ainda mais o direito, para honrar o legado e a memória do amigo, um reconhecido jurista, que Rubem Bemerguy acredita reunia todas as condições intelectuais e morais para ser ministro de qualquer tribunal superior do país.

 

“Foi uma grande perda, sem dúvida, de um homem com uma mente brilhante”, concluiu.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *