Última hora Polícia Política Cidades Esporte
Diário Destaque

Líder da Rede, André Lima admite futura aliança de Lucas Abrahão e Piedade Videira

Da mesma forma que a sucessão estadual registra uma parceria política de Clécio e Waldez, forças progressistas ensaiam fortalecer grupo para a disputa ao Setentrião.


Cleber Barbosa

Da Redação

 

O vereador André Lima (REDE/AP), que lidera a oposição na Câmara Municipal de Macapá (CMM), declarou apoio ao pré-candidato a governador Lucas Abrahão (REDE/AP) e ao Luís Inácio Lula da Silva (PT/AP) para presidente da República. Foi durante entrevista à Rádio Diário FM (90,9) em que disse estarem sendo estudadas várias estratégias para reforçar forças progressistas para a disputa do Governo do Amapá.

Para ele, pela juventude e destaque na política local, Lucas Abrahão representa de fato uma novidade na disputa pela sucessão estadual. “Ele é o único candidato que representa de fato uma mudança para o estado do Amapá”, reforçou.

Ele também admitiu que da mesma forma como os antigos adversários Clécio Luís e Waldez Góes anunciaram uma aliança eleitoral, é possível que a candidatura de Lucas Abrahão possa vir a compor com outro projeto, porém necessariamente no campo progressista, como o PSB, que tem e professora Piedade Videira como cabeça de chapa.

“Entendo que tudo é possível na política, aliás, para mim a política é a ciência mais orgânica que existe, então da mesma forma que Waldez e Clécio se uniram, Lula e Alckmin idem, quando nunca se imaginava essa possibilidade, então tudo é possível, desde que a gente veja coerência, viabilidade e obviamente um projeto em benefício do povo amapaense”, completou.

Sobre eventuais cenários de segundo turno, ele ratifica o otimismo e viabilidade da candidatura de Lucas Abrahão criar uma musculatura que o leve ao segundo turno, pelo discurso forte e propositivo, apesar de jovem, mas já experimentado, além do apoio do senador Randolfe Rodrigues, uma grande liderança no estado. “Ainda tem muita água para rolar debaixo dessa ponte”, encerrou o parlamentar macapaense.


Comente