Última hora Polícia Política Cidades Esporte
Turismo

MARABAIXO

Ciclo do Marabaixo 2022: caixas rufam em homenagem ao Dia do Trabalhador


Cleber Barbosa
Editor de Turismo

 

O tradicional marabaixo do Trabalhador marcou as homenagens à data, desde o último domingo, 1º de maio, no barracão da Tia Gertrudes (grupo Berço do Marabaixo), no bairro Santa Rita, em Macapá. Antes das caixas rufarem, foi servido um almoço para os colaboradores e convidados.

As rodas de marabaixo iniciaram por volta de 16h. Os toques e os ladrões (versos) só eram interrompidos pelos sorteios de brindes promovidos pela organização.
Valdinete Costa, uma das coordenadoras do evento e do grupo Berço do Marabaixo, se diz satisfeita por mais um ano aliar a tradição do marabaixo com as homenagens ao Dia do Trabalhador. “É uma data significativa, importante. Essa programação, que é marca do grupo Berço do Marabaixo, agora faz parte de maneira oficial do Ciclo do Marabaixo. É a nossa forma de homenagear e agradecer aos trabalhadores amapaenses”, diz Valdinete.

 

Tradição – A felicidade dela também estava na passagem da tradição do marabaixo de geração em geração. Além da filha, Lorrany Mendes, de 17 anos, que versava ao microfone e também dançava, o neto Davi Luiz Costa, de apenas 6 anos, chamava a atenção tocando caixa na roda, junto com os adultos, sob olhar cuidadoso da mãe, Lorena Costa.


Comente