Última hora Polícia Política Cidades Esporte
Turismo

SURF NA POROROCA

Ilha do Marajó, entre o Amapá e o Pará, será sede de uma nova competição de um esporte radical com forte vocação para o turismo.


Cleber Barbosa
Editor de Turismo

 

O bucólico município de Chaves, localizado no Arquipélago do Marajó, receberá entre os dias 1º e 4 de abril, alguns dos melhores surfistas do Brasil para o 24º Surf na Pororoca. Trata-se de uma nova oportunidade para o incremento deste esporte radical e de grande potencialidade.

Os campeões mundiais Fábio Gouveia (Surf) e Lucas Fink (Skimboard), os Top CT Ian Gouveia e Raoni Monteiro, Nayson Costa, o maior surfista paraense de toda a história, Marcelo Bibita, 6x Campeão Brasileiro de Longboard e primeiro recordista mundial de surf na pororoca, além de muitos outros astros do surfe nacional, irão refazer o caminho percorrido pelos pioneiros que no ano de 1998 fizeram parte da primeira expedição às pororocas do Canal do Perigoso, no município de Chaves.

 

Pioneirismo

A experiência tem por objetivo desbravar algumas das mais de dez pororocas inexploradas da Região de Chaves e ao mesmo temo, buscar manter viva a história e a memória dos pioneiros em uma expedição exploratória que contará com toda a infraestrutura desenvolvida ao longo desses 24 anos, com helicópteros, jet skis, bananas boat, lanchas voadeiras e claro, toda a experiência acumulada em mais de 200 expedições oficialmente registradas.


Comente