Política

Economia para prefeitura só no segundo semestre, diz secretário

Michel esteve recentemente no Ministério do Planejamento, onde recebeu a garantia do governo federal quanto à celeridade e conclusão no processo de transposição, que deve ocorrer até julho de 2017.

Compartilhe:

Mesmo com a transferência de cerca de trezentos servidores para a folha de pagamento da União, em 2016, o reflexo positivo dessa medida nas finanças da Prefeitura Municipal de Macapá só deverá ocorrer a partir do segundo semestre de 2017. A conclusão é do secretário municipal de administração, Michel Miranda, após levantamento do próprio órgão com base no atual momento financeiro do Município.
“Até lá, a prefeitura trabalha para manter o equilíbrio das contas”, afirma Michel. Dos 886 servidores aptos a entrar na folha do governo federal, 204 já foram inseridos e outros 111 serão incluídos nos próximos dias.
Mesmo com a transposição desses profissionais, o munícipio ainda trabalha para cumprir acordos feitos com os sindicatos e que estavam comprometidos em razão da necessidade de conter despesas e conseguir manter o pagamento da folha.
O secretário de administração afirma que o saldo positivo nas finanças municipais só ocorrerá mesmo a partir de julho de 2017, quando será concluída a transposição de todos os 886 servidores para a folha de pagamento da União, gerando uma economia de cerca de R$ 2,5 milhões/mês.

 
Compartilhe:

Tópicos: