Tiros

Um presidiário que deixou o Iapen há duas semanas foi executado na praça do bairro Jardim 2 na madrugada de sábado (1). Atiradores estavam de moto. Bala perdida atingiu um trabalhador.

Compartilhe:

Um presidiário que deixou o Iapen há duas semanas foi executado na praça do bairro Jardim 2 na madrugada de sábado (1). Atiradores estavam de moto. Bala perdida atingiu um trabalhador.

Preocupação
Casos da doença de Chagas preocupam autoridades do Estado e municípios. Em 2017 foram registradas 3 mortes por causa da doença.

Imagens
CTMac alerta motoristas de que a verificação de imagens sobre infrações no trânsito podem ser feitas na central de fiscalização sem nenhum custo.

Samaúma
Centenas de pessoas foram prestigiar a programação que deu início à segunda temporada do Luau na Sumaúma, no bairro Araxá. Evento iniciou no final da tarde de sexta-feira (31)

Perigo
Bandidos estão esticando cabos de aço na rodovia Norte/Sul para derrubar motoqueiros e cometer assaltos. No sábado um mototaxista escapou por pouco da ação dos criminosos.

Vacinação
Amapá alcançou o percentual de 101,4% (59.531 doses) de vacinados contra a poliomielite e 101,6% (59.320) de imunizados com a vacina tríplice viral, contra o sarampo.

Cárcere
Relatório divulgado pelo CNJ revela que Amapá tem cerca de 3 mil mandados de prisão em aberto. Número é maior do que o de presos no Iapen.

Irregular
Justiça Eleitoral indeferiu demonstrativo de regularidade partidária do Podemos para deputado estadual.No parecerdiz que o Demonstrativo de Regularidade de Atos Partidários (Drap) foi subscrito por delegado não cadastrado no TRE-AP.

Estupro
Homem de 47 anos foi preso suspeito de tentar estuprar menina de 10 anos na Zona Norte de Macapá. Menina disse que sofreu ameaças de morte por parte do suspeito.

Bandeira
TRE determinou que como parâmetro razoável a dimensão máxima das bandeiras utilizadas na propaganda eleitoral seja de até 1,50m de altura por 1,50m de largura.

 

Rapidinhas

Pleno do Tjap, após dois anos, reconheceu a empresa New Line Sistemas de Segurança Ltda como a vencedora da licitação para o monitoramento eletrônico em órgãos da administração pública estadual.

A assinatura do contrato aguarda apenas pela publicação do acórdão. A licitação vinha sendo contestada na justiça pela empresa Ativa System, concorrente também no certame, que já presta serviços de vigilância eletrônica na área da Educação estadual.

Mesmo não atendendo as exigências do edital, conforme restou provado, a Ativa System entrou na justiça para tentar barrar a licitação.

A New Line Sistema de Segurança Ltda interpôs recurso, alegando que três dos equipamentos apresentados pela Ativam impetrante a disputa não atenderiam as especificações arroladas no edital.


 
Compartilhe: