Cidades

Fiéis acompanham procissão do Círio com carreatas em vicariatos para evitar aglomerações

Ainda sem a celebração da grande procissão, a coordenação dividiu o público fiel em conjuntos de paróquias para evitar aglomerações.

Compartilhe:
Neste domingo, 10, milhares de fiéis puderam acompanhar a cerimônia do Círio de Nazaré. Com o tema ‘Jesus, Maria e José, Família de Nazaré, Exemplo de Oração, Trabalho e Fé!’, a Comissão Organizadora do Círio, em mais um ano, realizou a procissão em carreatas de Vicariatos, que são conjuntos de paróquias.
O translado em carro aberto das imagens peregrinas da Virgem de Nazaré pela capital foi a principal programação deste ano. Foram realizadas quatro carreatas, onde devotos realizaram suas homenagens à Nossa Senhora de Nazaré, próximo às residências e sem necessidade de grandes deslocamentos.

Conduzindo a missa na Catedral São José, o Bispo do Amapá, Dom Pedro Conti, lamentou a impossibilidade da grande procissão em mais um ano.

“De novo, sem podermos manifestar como gostaríamos a nossa devoção, neste ano, colocamos Maria ao lado de São José. Eles, juntos com Jesus, constituem a Sagrada Família, exemplo para todos nós de oração, trabalho e fé”, ponderou sobre o tema deste ano.

Antes da realização do percurso, foi realizada a Missa do Círio  em cada Igreja Matriz Paroquial de Macapá e, logo após, quatro percursos com as imagens se iniciaram por toda a capital.

Há 18 anos, os membros da família Nascimento prestam homenagens e demonstram devoção à Santa, na Avenida Professora Cora de Carvalho, no bairro Santa Rita. Para Ivelize Nascimento, 47 anos, servidora pública, o momento é de alegria e renovação.

“Todos os anos eu desenho um manto novo para confeccionar e demonstrar nossa devoção à Nossa Senhora de Nazaré. Neste ano pudemos reunir nossos familiares e prestar nossas homenagens durante a carreata, assim, mantendo a tradição que minha mãe deixou como legado a todos nós da família Nascimento”, disse emocionada ao lembrar da devota mãe Maria José Silva do Nascimento, que estaria completando 77 anos neste Círio.

A Catedral São José não recebeu carreatas em decorrência das celebrações centrais do Círio de Nazaré. No Santuário de Fátima, a imagem chegou após o percurso saindo da Igreja São João e Santa Maria, no Cabralzinho, e depois, pela Igreja Matriz de Jesus de Nazaré.

Entre os fiéis, também estavam empreendedores autônomos. De acordo com o empreendedor Jessé Pereira, 46 anos, o momento de fé serviu para fazer algum lucro com a venda de pulseiras e terços de lembrança do Círio.

“Com a realização da celebração e a presença das pessoas, posso garantir meu ganha pão e com isso levar alimentos para aproveitar o círio com minha família em casa”, afirmou.

A imagem de Nossa Senhora de Nazaré ainda ficará em exposição na berlinda da Catedral São José para visitação nos próximos dias. O novenário acontecerá nesta segunda-feira, 11, às 12h na Catedral e nos Vicariatos serão realizadas missas de celebração.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *