Cidades

Instituto federal oferece 970 vagas para cursos em quatro municípios do Amapá

As inscrições serão realizadas no período de 13 a 26 de janeiro, em sistema on-line

Compartilhe:

O Instituto Federal do Amapá (Ifap) lançou nesta quinta-feira (7) dois processos seletivos para ingresso de estudantes na instituição, um para cursos técnicos integrados ao ensino médio e outro para cursos superiores, na modalidade presencial, ofertados nos campi Laranjal do Jari, Macapá, Porto Grande e Santana. No total, o Ifap oferta 970 vagas para o primeiro semestre de 2021. As inscrições serão realizadas no período de 13 a 26 de janeiro deste ano, em sistema on-line.< br /> São ofertadas 450 vagas em 15 cursos destinados a estudantes que concluíram o ensino fundamental em idade regular, ou seja, estão terminando agora o último ano ou última série do ensino fundamental. E outras 520 vagas para 16 cursos de Graduação a serem disputadas por quem já tem o ensino médio e quer conquistar o nível superior.

Não serão realizadas provas dos processos seletivos. A seleção ocorrerá pela classificação do estudante com base no desempenho escolar (notas/conceitos) do ensino anterior, conforme detalhado nos editais. As notas devem ser informadas no momento da inscrição e deverão ser comprovadas com a apresentação do histórico escolar durante a matrícula.

Conforme a legislação de cotas, 50% das vagas de cada curso são reservadas aos candidatos que estudaram, integralmente, em instituições públicas de ensino, identificados mediante informações descritas no formulário de inscrição. Dessas 50%, a metade é reservada aos estudantes oriundos de famílias com renda per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo per capita e superior a 1,5 salário mínimo per capita, para as cotas de autodeclarados pretos, pardos e Indígenas e de pessoas com deficiência.

 

Aulas

Os cursos ofertados nesses dois processos seletivos são na modalidade presencial, mas as aulas vão iniciar em março deste ano no sistema de ensino remoto emergencial, por conta da pandemia do coronavírus. Assim que as autoridades sanitárias e de vigilância à saúde determinarem que há segurança, o Ifap tomará as medidas necessárias para retomar as aulas no regime presencial.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *