Cidades

TRE-AP lança projeto ‘Eu decido’

Iniciativa busca incentivar jovens com mais de 16 e menores de 18 anos ao alistamento eleitoral.

Compartilhe:
DouglasLima-DaRedação
 

O Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP) lançou no fim da tarde desta quarta-feira, 4, o projeto ‘Eu Decido’, voltado para jovens com mais de 16 e menores de 18 anos, que têm o voto facultado.

O lançamento do Eu Decido teve cobertura ao vivo do programa ‘Café com Notícia’, apresentado por Ana Girlene e dirigido e produzido por Anita Flexa. A transmissão foi possível com a instalação do estúdio móvel da emissora numa das dependências do TRE-AP.

O projeto tem autoria do presidente do TER-AP, desembargador Rommel Araújo, e visa conceber iniciativas capazes de contribuir para formação de uma cultura de valorização e inclusão do jovem na vida política do país.

“Nós acreditamos na Justiça Eleitoral, que a mudança no país vai acontecer pela força da juventude, que vem assumindo um papel de destaque na mudança de comportamento, e é isso que nós queremos, que eles venham contribuir no processo eleitoral”,destaca.o desembargador.

Rommel Araújo explica que o projeto Eu Decido complementa a iniciativa do projeto ‘Eleitor do Futuro’, que tem como foco a formação da cidadania entre alunos do ensino fundamental.

“O Eleitor do Futuro é um projeto desenvolvido há muito tempo em nível nacional pela Justiça Eleitoral, que visa acima de tudo mostrar aos jovens como que funciona o processo eleitoral, mostrando a importância das eleições. Essa garotada cresceu e hoje se encontra nessa faixa etária de 16 a 18 anos, e nós queremos justamente é que eles venham efetivamente contribuir para o exercício do voto livre e consciente”, discorre o presidente do TRE-AP.

Objetivando dar incentivo para os adolescentes maiores de 16 e menores de 18, a Justiça Eleitoral pretende com apoio de órgãos governamentais, prefeituras, e projetos de lei, criar a meia entrada da cidadania, para que eles, ao se alistarem, tenham como benefício a meia entrada em eventos de lazer, cultura, educação, esportivos, sociais e culturais, por meio do título de eleitor ou e-título.

No lançamento do projeto, o desembargador Rommel Araújo informou que o prefeito Clécio Luís, de Macapá, elabora projeto para enviar à Câmara Municipal, para análise dos vereadores. O projeto contempla o ‘Eu decido. No âmbito estadual, o deputado Paulinho Ramos também elabora projeto, bem como o senador Davi Alcolumbre, em nível nacional.

A acessibilidade e inclusão também são destaque no projeto, pois todas as peças que serão trabalhadas têm a linguagem brasileira de sinais, representando a frase do Eu decido, como forma de inclusão de jovens com deficiência auditiva.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *