Esportes

Amapaense lamenta cancelamento da luta no Caribe: “infeliz contratempo”

Esta seria a primeira luta internacional do amapaense que estrearia na categoria pelo-galo, até 61 quilos. Sem adversário, William Ramos ficou fora do card da competição.

Compartilhe:

O amapaense Willian Nonato Ramos, de 33 anos, o “Pitchula”, tinha luta marcada para integrar o card principal do evento “Locked Loaded” (bloqueado e carregado, em português), um dos principais do MMA no Caribe e que acontece em Trinidad & Tobago, no último sábado (10). Mas luta foi cancelada porque o adversário, Kadaine Hope, passou mal.

Pitchula já estava em Trinidad & Tobago, quando soube que não iria mais entra no cage. Esta seria a primeira luta internacional do amapaense que estrearia na categoria pelo-galo, até 61 quilos. Sem adversário, William Ramos ficou fora do card da competição.

A principal decepção do lutador foi ver o esforço que amigos fizeram para ajudar o amapaense a custear as despesas da viagem que giraram em torno de R$ 6 mil e no final não ter lutado. Pitchula ainda está negociando as formas para ser ressarcido.

– Depois de tanto trabalho e muito treino, aconteceu esse contratempo infeliz. Queria agradecer imensamente a Deus e a todos que me ajudaram e principalmente acreditaram em mim. Gostaria também que soubessem que tudo que estava ao meu alcance foi feito, para devolver a altura, a confiança que me foi dada. Infelizmente meu adversário passou mal e a luta foi cancelada e isso foge totalmente ao meu controle – disse Pitchula.

Segundo o lutador amapaense, ele está negociando para remarcar a luta para o mês de outubro. Até lá, os treinamentos continuam até porque, Pitchula já tem luta agenda para o dia 10 de agosto no Lunay Fight, contra Sucata, pela categoria peso-galo. Evento será realizado no município de Oiapoque, distante 590 quilômetros de Macapá.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *