Esportes

Clubes seguem em busca de jogadores, mas com poucas opções no mercado da bola

Não é novidade que os times amapaenses não estão dispostos a fazer grandes investimentos para dois meses de campeonato. Geralmente os clubes buscam jogadores do estado vizinho, Pará, tanto da segunda divisão, como da elite.

Compartilhe:

Falta pouco para a bola começar a rolar no Amapazão. O campeonato estadual inicia no dia 25 de março, mas, assim como no ano passado, não terá (pelo menos até o momento) nenhum medalhão, fazendo com que o torneio cai no quesito atrativo para o torcedor.

 

Não é novidade que os times amapaenses não estão dispostos a fazer grandes investimentos para dois meses de campeonato. Geralmente os clubes buscam jogadores do estado vizinho, Pará, tanto da segunda divisão, como da elite.

 

O lateral-esquerdo, Leandro Silva, com passagens pelo Cruzeiro, onde foi campeão da famosa tríplice coroa, e também Palmeiras, Fluminense, Atlético-MG e Porto de Portugal, vestiu a camisa do São Paulo-AP em 2016. Leandro atuou em uma posição diferente, no meio-campo, e vestiu a 10 do tricolor, mas não rendeu o esperado e foi embora do clube antes do fim do estadual.

 

O Amapazão também já contou com outros nomes conhecidos no futebol nacional como o zagueiro da seleção brasileira, Júnior Baiano, que teve uma rápida passagem pelo Macapá em 2009. O atacante uruguaio Acosta, ex-Corinthians, disputou o estadual em 2013, 2014 e 2015 pelo Santos-AP.

 

Em 2018, a competição irá contar com seis equipes: Independente, Macapá, Santos-AP, São Paulo-AP, Trem e Ypiranga. O jogo de abertura será o clássico nortista ”Sansão”, no dia 25 de março, no Estádio Olímpico Zerão.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *