Esportes

Condições do gramado do estádio Zerão ainda preocupam

O gramado em janeiro, foi visível perceber que o campo está longe dos 100% de qualidade

Compartilhe:

No jogo entre Santos-AP e Sport, pela Copa do Brasil, na quarta-feira (7), foi a primeira vez em 2018 que os torcedores amapaenses foram ao Estádio Olímpico Zerão. Apesar de ter sido feito uma recuperação especial no gramado em janeiro, foi visível perceber que o campo está longe dos 100% de qualidade e até certo ponto influenciou negativamente em alguns momentos na partida.

Olhando da arquibancada, o gramado do estádio Zerão está recuperando a tonalidade verde, mas da beira do campo é possível enxergar diversos buracos no campo que foram preenchidos com areia. Isso fez com que a bola não rolasse com qualidade e que em diversos momentos os jogadores de ambos os times tiveram dificuldade de dominar a bola, criando até lances bizarros na partida.

Em 2017, o Estádio Olímpico Zerão sofreu com o grande número de jogos, onde recebeu mais de 100 jogos, muito acima do que o gramado pode suportar em um ano. Por enquanto, a manutenção do estádio está sendo feita pelos funcionários da Secretaria de Estado do Desporto e Lazer (Sedel).

Nesta temporada 2018, está previsto que o estádio receba jogos do Campeonato Sub-20, Campeonato Amapaense, Copa Verde e Série D do Brasileirão, que este ano tem o Santos-AP e o Macapá como representantes do estado.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *