Esportes

Fla enxuga elenco e economiza R$ 400 mil por mês com empréstim

Elenco enxuto e fôlego na folha salarial. O Flamengo foi cirúrgico na redução do elenco para temporada de 2015


Compartilhe:

 

Elenco enxuto e fôlego na folha salarial. O Flamengo foi cirúrgico na redução do elenco para temporada de 2015. Motivado pela limitação de 28 inscritos no Carioca, o Rubro-Negro não levou para Atibaia os jogadores que não estavam nos planos de Vanderlei Luxemburgo e começou a trabalhar em destinos para eles. Dos 23, 16 já estão realocados através de empréstimos, o que representa uma economia de R$ 400 mil por mês para o clube. Dos sete pendentes, quatro terão o contrato encerrado em breve, sobrando somente os casos de Felipe, Erazo e Mattheus.

A maioria dos acordos do Flamengo para liberação de jogadores aconteceu da seguinte maneira: o clube contratante paga o montante referente a um ano de remuneração como valor do empréstimo, e o Rubro-Negro repassa ao atleta, que é mantido em sua folha de salarial. A expectativa é de que o montante economizado ainda aumente consideravelmente após a solução dos casos de Felipe, que negocia rescisão contratual, e Erazo, desejado pelo Colo-Colo, do Chile. Dos 23 afastados, os dois são, de longe, os que recebem os maiores salários.

O grupo 16 jogadores que já definiu onde vai atuar em 2015 conta com 13 pratas da casa. O desejo do Flamengo é dar rodagem para que a maioria deles tenha uma última oportunidade de retorno à Gávea. Coritiba e Bragantino foram os clubes que receberam o maior número de jovens apostas, três – os paulistas ainda contam com o experiente Renato Santos – seguidos de Atlético-GO e ASA de Arapiraca. Entre os que sobraram, alguns casos não preocupam: Elton, João Paulo, Val e Digão.

Os três primeiros vão ter o vínculo com o Flamengo encerrado em breve e não vestirão mais a camisa do clube.

 
Compartilhe:

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *