Última hora Polícia Política Cidades Esporte
Esportes

Prefeitura de Macapá participa do lançamento da Liga Amapaense de Ciclismo

Evento aconteceu no monumento Marco Zero do Equador e contou com aproximadamente trezentos inscritos, além de parceiros para a realização.


Depois de muitos dias chuvosos, o clima ensolarado colaborou para a realização do lançamento oficial da Liga Amapaense de Ciclismo (LAC), que aconteceu na manhã de domingo (24), no monumento Marco Zero do Equador. Com investimento da Prefeitura de Macapá, atletas de diferentes idades e grupos se reuniram para um momento de descontração, com os propósitos de fomentar e incentivar a prática do esporte no estado e atrair esportistas para ingressarem na Liga.

“O lançamento da Liga é um marco, pois volta a mobilizar os ciclistas a praticarem o esporte, que ficaram muito tempo afastados por causa da pandemia. Isso é muito importante tanto para a Prefeitura de Macapá, que investe e apoia o ciclismo, quanto para eles, que poderão treinar novamente com expectativa de participarem de competições”, declarou Ivan Santos, diretor de Esporte e Lazer da Comel.

O evento contou com o apoio da Coordenadoria Municipal de Esporte e Lazer (Comel), Fundação Municipal de Cultura (Fumcult), Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá (CTmac), Polícia Militar e União Motoclube.

“A Liga Amapaense de Ciclismo veio para somar com a Federação Amapaense. O evento de hoje é um amistoso de lançamento da liga para que a população possa nos conhecer. Hoje, temos em torno de trezentos associados e esperamos ganhar a simpatia de mais atletas para se filiarem à LAC”, disse o presidente da Liga Amapaense de Ciclismo, Luiz Tobias.

“Comecei a praticar ciclismo há pouco mais que um ano por causa do meu pai. Ele comprou uma bicicleta para se exercitar e eu o acompanhava nas pedaladas. A vitória de hoje é resultado de muito esforço”, declarou o atleta Luiz Henrique, 19 anos, campeão da modalidade Speed Elite.

Leneide Batista, de 42 anos, ciclista e campeã da categoria MTB, contou que se sentia maravilhada pela vitória, pois treinava sem nenhuma expectativa de competição. “Gostei muito do amistoso porque colocamos em prática o que vínhamos treinando nos últimos tempos. Comecei a praticar ciclismo graças ao meu marido”, finalizou.

Ao fim, houve a premiação para os três primeiros colocados de cada modalidade, distribuição de lanches e brindes.


Comente