Esportes

Projetos comunitários de Macapá participam de competições de artes marciais dos Jogos Abertos

Os Jogos Abertos de Macapá é um convênio assinado, desde 2015, pela Prefeitura de Macapá, por meio de emenda da ex-deputada Fátima Pelaes, no valor de R$ 562.300,00

Compartilhe:

Aconteceu na noite de sexta-feira, 9, na quadra do Santa Inês, mais uma etapa dos Jogos Abertos de Macapá. Desta vez, nas modalidades de artes marciais, jiu-jítsu e Muay Thai. Dez equipes, formadas por atletas participantes dos projetos comunitários Team Pezão, Team Marajoara, Projeto Jovens Campeões, Edy Thai, Broca Team, Clan LF, Franco Penteado, Estraique Zone, Lutar Sempre Desistir Nunca e Colisão, participaram da competição, nas categorias masculina e feminina.

 

Para o atleta de jiu-jítsu, Rubinaldo Barbosa, morador do bairro Vale Verde, os Jogos Abertos de Macapá são uma oportunidade que os jovens têm de mostrar na prática o que aprendem no dia a dia dos projetos, tendo a oportunidade de conhecer outros atletas e aprender novas técnicas. “Para toda a minha equipe, esta sendo uma oportunidade muito boa, pois está nos proporcionando uma chance de competir com atletas de outros bairros da cidade, conhecer novas técnicas, vê onde estamos errando e melhorar cada vez mais. É difícil participarmos de competições como essa, geralmente treinamos e fazemos nossas lutas lá mesmo na comunidade. Gostaria que ocorresse mais vezes”.

 


Os Jogos Abertos de Macapá é um convênio assinado, desde 2015, pela Prefeitura de Macapá, por meio de emenda da ex-deputada Fátima Pelaes, no valor de R$ 562.300,00, oriundo do Ministério do Esporte. Em dezembro de 2016, a prefeitura iniciou a primeira edição do torneio, que engloba, além do futsal, diversas modalidades esportivas, como voleibol, basquete de trinca, handebol, futlama, futsal, jiu-jítsu, judô, muay thai masculino e feminino. A competição também inclui pessoas com deficiência, com as modalidades bocha, goalball, basquete adaptado e natação.

 

O professor Oberdan Tenório, responsável pela equipe Tean Pezão, agradeceu o apoio do Município e destacou que o projeto tem ajudado a sua menta, o número de jovens interessados em participar dos projetos sociais nos bairros. “Só posso hoje parabenizar e agradecer a prefeitura pelo apoio e pela realização desse projeto, que só vem a somar com o nosso trabalho”.

 


Ao final de cada competição, os jovens atletas receberam as suas premiações. O segundo e terceiro lugares foram premiados com medalhas. Já o primeiro colocado recebeu, além da medalha, o troféu de campeão. Para cada equipe participante, foram entregues também kits como forma de premiação para que possam dar continuidade aos projetos comunitários, atendendo os jovens de seus bairros. Para as equipes de jiu-jítsu foram entregues kimonos, áreas para tatame e jogo de camisas. Já as equipes de Muay Thai receberam luvas, protetores bucais e jogos de camisa.

 
Compartilhe:

Tópicos: