Geral

Caesa anuncia aumento da tarifa de água e diz seguir tabela do

Reajuste de 24,39% nas tarifas de água e esgoto trará mudanças para os clientes da companhia, a partir do consumo de agosto deste ano


Compartilhe:

 

Em processo de adequação às diretrizes nacionais do serviço, a partir de 1º de agosto deste ano a Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa) fará a correção dos valores das tarifas de água e esgoto praticadas pela empresa. O reajuste de 24,39% começará a vigorar nas contas referentes a setembro de 2015, cujo consumo é relativo a agosto. A última correção ocorreu há em fevereiro de 2012.

O estudo tarifário foi aprovado pelo Conselho de Administração da Companhia, com base na Lei nº 11.145/2007, que estabelece diretrizes nacionais para o saneamento básico. “A lei prevê que os reajustes das tarifas de serviços públicos ligadas ao saneamento básico podem ser realizados em um intervalo mínimo de 12 meses, porém a Caesa não realiza reajuste tarifário há quase três anos”, informou Patrícia Brito, diretora-presidente da Caesa.

Segundo Patrícia Brito, o não acompanhamento dos índices inflacionários pelas tarifas fez com que a remuneração dos serviços prestados pela companhia se tornasse incompatível com os custos dos produtos necessários. “O aumento do preço da energia elétrica, combustível e produtos químicos é tido como principal fator para o reajuste da tarifa de água.

A correção nos valores das tarifas permitirá que a Caesa consiga reduzir o desequilíbrio econômico-financeiro existente e que a empresa consiga manter os serviços prestados aos seus clientes”, explicou.

A diretora-presidente disse ainda que não apenas o reajuste de tarifas de água e esgoto, mas também outras medidas são necessárias manter o equilíbrio financeiro da Companhia. “A arrecadação da Caesa melhorará também através das políticas de cobrança que estão sendo implementadas e por meio de medidas para combater às perdas físicas e de faturamento, atualmente em fase de planejamento”, finalizou.

Mudanças para o consumidor
O reajuste de 24,39% nas tarifas de água e esgoto trará mudanças para os clientes da companhia, a partir do consumo de agosto deste ano, a ser cobrado nas contas referentes a setembro. Como exemplo, os clientes que pagam atualmente a tarifa de água residencial não medida de R$ 39,55 passarão a pagar R$49,20.

Nas próximas faturas, iniciando pela conta de julho, os clientes receberão boleto com mensagem, em local visível, informando sobre o reajuste do valor da tarifa de água e esgoto.

 
Compartilhe:

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *