Nota 10

“Cenários do Amapá’ será lançado nesta sexta, no Diário

O historiador e jornalista informa que cada dado estatístico será atualizado sempre que necessário na medida em que o IBGE alimentar seu banco de dados com novas informações.

Compartilhe:

Com apoio do Sistema Diário de Comunicações o conhecido historiador e jornalista Wellington Silva, articulista do Diário do Amapá e membro do programa Viva o Rádio,fará nesta sexta-feira, 12 de julho, no Espaço Cultural do Diário do Amapá, às 20 horas, o lançamento digital de sua obra intitulada Cenários do Amapá. Na foto a primeira versão do seu trabalho, depois transformado pelo design gráfico Adauto Brito em uma obra muito bem ilustrada. Cenários do Amapá contém informações sobre o histórico dos municípios assim como população estimada 2018, área da unidade territorial Km², densidade demográfica (hab/ Km²), gentílico, prefeito, domicílios, estabelecimentos, total de endereços e total de edificações por município; produto interno bruto, IDH e finança pública, por município; docentes, escolas e matrículas no pré-escolar, ensino fundamental e médio, por município; estabelecimentos de saúde, serviços e leitos, por município; produção agrícola (lavoura permanente e temporária) por município; extração vegetal e silvicultura, por município; atividade pecuária, por município. Todas as fontes de dados são do Instituto Brasileiro de Geografia e estatística – IBGE. O historiador e jornalista informa que cada dado estatístico será atualizado sempre que necessário na medida em que o IBGE alimentar seu banco de dados com novas informações. Para acessar a obra basta digitar diáriodoamapa.com.br e depois clicar em cima de Cenários do Amapá.

De acordo com o autor, “sua linguagem simples foi construída como necessária ferramenta de informação para todos a fim de que todos saibam, gratuitamente, quer seja o cidadão comum, estudante, comerciante, investidor, autoridades federais, estaduais e municipais, quais são os últimos ou atuais cenários que cada município apresenta dentro de suas especificidades”.

Disse que “é um singelo trabalho e a intenção é contribuir para que formatado em forma de documento sirva de ferramenta de pesquisa bem como orientação de informação ao desenvolvimento regional tomando por base os dados evidenciados apresentados”. O historiador evitou o uso de gráficos complexos até para não avolumar demais a obra e por consequência dificultar um pouco a leitura e o entendimento do cenário apresentado a pessoas não familiarizadas com esse tipo de informação estatística uma vez que seu objetivo é repassar a informação a todos, indistintamente e gratuitamente.

Formado em História pela Faculdade de Macapá – FAMA, Wellington Silva é filiado a Federação Nacional dos Jornalistas – FENAJ. Foi Editor de Cultura do Jornal Combate a partir de 1984 e Editor e Redator do referido informativo no período de 1987 a 1988, tendo também atuado em 1993 como Redator do Jornal Hoje Amapá. Exerceu a função de Assessor de Comunicação no governo de Annibal Barcellos (1991 a 1993)e no governo de Waldez Góes no período de 2003 a 2010. Em 1995 trabalhou como Secretário Executivo para a implantação e funcionamento do Conselho de Desenvolvimento Industrial do Estado do Amapá(Portaria nº 002/95-CONDI/AP).Em 1997atuou como Secretário Administrativo para a implantação e funcionamento da Comissão Permanente de Licitação da Coordenadoria Estadual de Indústria, Comércio e Mineração (Decreto nº 1362) bem como do Programa do Mobiliário – PROMOB. A partir de 2000 atua comoEditor do Caderno de Cultura Nota 10, do Jornal Diário do Amapá, e como Articulista deste informativo.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *