Polícia

Acidente mata trabalhador de empresa terceirizada na quadra da Escola de Samba Piratas da Batucada

Segundo informações oficiais, Jean Correia Alves estava desmontando a estrutura do evento carnavalesco que ocorreu na noite desse sábado.

Compartilhe:

Um acidente calou o samba na Escola Piratas da Batucada por volta das 16 deste domingo, quando o jovem Jean Correia Alves, de 22 anos, que prestava serviços a uma empresa terceirizada que estava desmontando a estrutura do cenário para um evento ocorrido na noite anterior, caiu de uma altura de cerca de cinco metros e morreu na hora.

Em nota oficial, a Escola de Samba Piratas da Batucada esclareceu que durante a desmontagem do palco da estrutura de sonorização da empresa contratada para o evento desse sábado (2), “ocorreu um acidente com um dos seus funcionários, que infelizmente veio a óbito”.
Ainda na nota, a agremiação afirma “que está prestando as informações necessárias, juntamente com a empresa, assim como dando apoio à família”, finalizando que “a Escola lamenta profundamente o ocorrido e declara luto oficial de três dias”.
Reportagem e fotos: Jair Zemberg

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *