Polícia

Agnaldo Balieiro se apresenta e começa a cumprir pena provisória no Iapen

Ele estava com prisão decretada desde o ano passado, mas somente na tarde do dia 6 de fevereiro a polícia recebeu a ordem de prisão contra o ex-parlamentar.

Compartilhe:

Por Paulo Silva

O ex-deputado estadual Agnaldo Balieiro se apresentou no meio da tarde desde domingo à Delegacia-Geral de Polícia para começar a cumprir pena provisória de cinco anos e nove meses de prisão no regime semiaberto por condenação em ação penal criminal resultante da Operação Eclésia, de 2012. 

Ele estava com prisão decretada desde o ano passado, mas somente na tarde do dia 6 de fevereiro a polícia recebeu a ordem de prisão contra o ex-parlamentar. Neste domingo, ao se apresentar, Balieiro passou por exame de corpo de delito é foi levado para a penitenciária do estado.  

A condenação de Agnaldo Balieiro foi pelo uso de notas fiscais falsas para receber R$ 900 mil em verba indenizatória da Assembleia Legislativa do Amapá, entre 2011 e 2012.  Balieiro cumpriu um mandato de deputado estadual pelo PSB, mas não conseguiu reeleição em 2014, quando obteve apenas 4.635 votos, ficando como suplente. Ele também foi secretário de Administração do governo do Amapá. 

Com a prisão de Agnaldo Balieiro já são quatro ex-deputados estaduais do Amapá cumprindo pena na penitenciária por condenação em ações penais da Operação Eclésia. Os outros três são Moisés Souza e Edinho Duarte (ambos no regime fechado) e Eider Pena (regime semiaberto).

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *